18
abr

Ítalo em Saquarema como líder do CT

18 / abr
Publicado por Alexandre Gondim às 20:42

Italo Ferreira competindo peal primeira vez como lider do ranking. Foto: WSL / Dunbar

O cancelamento da terceira etapa do World Surf League Championship Tour, o Margaret River Pro, que tinha o prazo para ser finalizada até domingo, 22/4, foi bem aceito por todos os competidores.

A WSL divulgou que os 24 surfistas que iam disputar a terceira fase, terminaram em 13.o lugar somando 1.665 pontos no ranking, enquanto as oito classificadas para as quartas de final na segunda-feira, ficaram empatadas em quinto lugar com 4.745 pontos. Porém não descartam a possibilidade de completar o campeonato em outro lugar durante esta temporada ainda.

 

Na manhã da quarta-feira, a CEO da WSL, Sophie Goldschmidt, emitiu um comunicado aos surfistas. O motivo principal foi preservar a segurança dos surfistas, já que devido à combinação única e excepcional de fatores naturais que estão acontecendo em Western Australia (costa ocidental da Austrália) nesta semana, elevaram o número tubarões na região.

A disputa pela liderança na corrida pelo título mundial que seria travada em Margaret River, ficou para a etapa brasileira, o Oi Rio Pro, que será disputado entre os dias 11 e 20 de maio em Saquarema, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Stephanie Gilmore lidera o disputa feminina. Foto: WSL / Matt Dunbar

Assim como na última prova da “perna australiana”, dois surfistas vão competir com a lycra amarela do Jeep Leaderboard na Praia de Itaúna, o potiguar Ítalo Ferreira e o australiano Julian Wilson, por estarem empatados em primeiro lugar no ranking. No feminino, Stephanie Gilmore permaneceu na frente e também vai vestir a lycra amarela no Oi Rio Pro, sendo seguida de perto pela cearense Silvana Lima, única representante brasileira na versão feminina do CT.

Saiba mais:

Ataques de tubarões cancelam etapa da WSL

Ataques de tubarões aproximam Pernambuco e Austrália

De Baía Formosa para o topo de Bells


Veja também