20
ago

Neymar marca dois e participa de outros três em goleada do PSG

20 / ago
Publicado por Marcos Leandro às 17:56

 

Após levar um susto e sair perdendo o jogo, o Paris Saint Germain confirmou o favoritismo e venceu o Toulouse por 6×2, neste domingo (20/8), pela 3ª rodada do Campeonato Francês. Foi a primeira partida de Neymar pelo PSG no Parque dos Príncipes. E ele se sentiu bem à vontade. Fez dois gols e teve participação em outros três marcados por sua equipe.

Com a vitória, o time parisiense chegou aos nove pontos e divide a liderança com o Monaco (atual campeão) e o Saint-Étienne, que também venceram seus três compromissos até agora.

 

 

O técnico Unai Emery armou o PSG novamente com o trio ofensivo formado por Neymar, Cavani e Di Maria. Outros dois brasileiros começaram entre os titulares: o lateral-direito Daniel Alves e o zagueiro Thiago Silva.

Não demorou para Neymar assustar os visitantes. Aos 13 minutos, Daniel Alves cruzou e o craque da seleção brasileira, dentro da área, chutou por cima. Aos 17, Neymar voltou para armar o jogo e deu um lançamento primoroso para Cavani, mas o uruguaio furou. O castigo veio em seguida. Em rápido contra-ataque, Gradel abriu o placar para o Toulouse.

Mas o PSG não ficaria muito tempo atrás do placar. Aos 31, Neymar ajeitou para Rabiot, que bateu cruzado. O goleiro Lafont defendeu, mas no rebote, Neymar empurrou para o fundo da rede. Gol com direito a dancinha na comemoração.  Aos 35, a virada. Rabiot tabelou com Neymar e acertou o cantinho do goleiro do Toulouse: 2×1 para o PSG.

 

Foto: Thomas SAMSON/AFP

 

No segundo tempo, os anfitriões diminuíram um pouco o ritmo. Mas quando resolveram apertar de novo, chegaram com perigo. Aos 21, em linda jogada individual, Neymar pediu pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir. Aos 30, Neymar fez outra jogada individual e sofreu pênalti. Cavani bateu firme e fez o terceiro do Paris Saint Germain. Antes, aos 24, Verratti tinha sido expulso.

Logo em seguida, outro susto. Após escanteio, Jullien subiu mais que Thiago Silva e fez de cabeça o segundo do Toulouse aos 33. Mas o PSG não deu chance para o azar. Aos 36, Pastore, que entrou no lugar de Thiago Motta, fez um golaço de fora da área. Aos 38, Neymar bateu escanteio e Kurzawa fez de voleio: 5×2.

E ainda deu tempo para o gol mais bonito do jogo, marcado por ele, Neymar, após dar um giro nos marcadores e anotar um golaço. Final: PSG 6×2 Toulouse.


Veja também