15
abr

Mourinho critica postura do United e reconhece superioridade do campeão City

15 / abr
Publicado por Marcos Leandro às 17:53

Foto: Paul ELLIS / AFP

 

A surpreendente derrota do Manchester United para o lanterna West Bromwich neste domingo (15/4), em casa, por 1×0, que resultou no título do Campeonato Inglês ao rival Manchester City, provocou uma reação ambígua do técnico Jose Mourinho. Se, por um lado, reconheceu que o rival fez uma grande campanha e mereceu a conquista, ele, por outro, criticou a apatia e o deslumbramento de seus jogadores, que teriam resultado na derrota deste domingo.

Os jogadores não quiseram ou não conseguiram fazer o simples. Os jogadores estavam muito cômodos, muito relaxados. Conheço os atletas e tenho essa experiência para enxergar. Já conquistei oito títulos de liga em minha carreira e não perco a cabeça por ter derrotado o City em um duelo que valia três pontos. Muitos dos meus jogadores pensaram que ganhar do City era o máximo. Eu já ganhei muito em minha carreira para pensar assim. O City é um campeão merecido. O City ganhou porque jogou melhor do que todos, porque derrotou o Tottenham (sábado) e porque só perdeu duas partidas na temporada. Não é justo dizer que o United deu o título para eles. O United não deu nada.”

José Mourinho, técnico do Manchester United

 

 

Foto: Paul ELLIS / AFP

 

O PRESENTE

O Manchester United deu o presente que talvez nem o mais otimista torcedor do Manchester City esperasse. Diante do lanterna West Bromwich e atuando no Old Trafford, neste domingo, o time de José Mourinho não podia perder se quisesse evitar o título do rival. Mas foi justamente o que aconteceu: o West Bromwich surpreendeu fora de casa, triunfou por 1×0 e fez a festa do City.

 

 

Isso porque o resultado deste domingo deixou o Manchester United com 71 pontos, a 16 do City. Como restam apenas cinco rodadas, e 15 pontos em disputa, não há possibilidade de o segundo colocado alcançar o rival. Melhor para o City, que, desta forma, coroa o grande desempenho na competição e comemora o quinto título inglês de sua história, repetindo os feitos de 1936/1937, 1967/1968, 2011/2012 e 2013/2014.

A equipe teve uma campanha irrepreensível até o momento, com 28 vitórias e apenas duas derrotas em 33 partidas, e fez sua parte ao derrotar o Tottenham no sábado, por 3×1.

 

Foto: Lindsey PARNABY / AFP

 

publicidade


Veja também