15
abr

Consumidores pagam mais de 54% em tributos nos produtos da Páscoa

15 / abr
Publicado por Talita Barbosa às 18:48

Bombons 37,61%
O tributo na caixa de bombons, por exemplo, é de 37,61%. Foto: Acervo/JC Imagem

Achou os produtos da Páscoa muito caros? Os impostos estão entre os culpados, já que os alimentos dessa época normalmente são superonerados de tributos.  O Instituto Brasileiro de Planejamento Tributação (IBPT) divulgou os valores da carga tributária sobre esses itens, e em alguns casos, esse valor corresponde a mais da metade do preço final.

» Azeite: fiscalização do governo identifica irregularidades em 45 marcas

» Contas e carnês com vencimento na sexta poderão ser pagos na segunda, sem multa

O vinho, por exemplo, é o produto que tem maior incidência de impostos: 54,73%. Já o ovo de Páscoa tem  38,53% de seu valor em carga tributária. No bacalhau, esse valor chega a  43,78% o que explica, em boa parte, o preço normalmente alto. Se a família decidir se reunir para celebrar a Páscoa em um restaurante, 32,31% da conta serão em tributos.

Peso dos tributos em nove produtos de alto consumo na Páscoa:

Bacalhau importado        43,78%

Bombons                            37,61%

Azeite                                  22,57%

Cartão de Páscoa              37,48%

Batata                                  18%

Chocolate                           39,61%

Coelho de Pelúcia            29,92%

Ovo de Páscoa                  38,53%

Papel Celofane                34,48%

Vinho                                54,73%

Peixe                                   18%

Almoço ou jantar em restaurante   32,31%


Veja também