19
dez

Imponente, Timbó Rex vence Flamengo e conquista Brasil Bowl

19 / dez
Publicado por Haim Ferreira às 18:24

cabecalho-placar

Uma data histórica para o futebol americano brasileiro. Neste domingo (18), Timbó Rex-SC venceu o Flamengo F.A-RJ por 36 x 24 e conquistou o primeiro título unificado do Brasil Bowl, a decisão da Superliga Nacional de futebol americano.

LEIA TAMBÉM:
Com show de Fadini, Eagles vence Coyotes e leva o Nacional Bowl
CBFA faz teste de transmissão para TV fechada visando 2017
Recife Mariners acerta em anunciar Richard como head coach

Com a conquista inédita pela CBFA, os dinossauros chegaram à dois títulos nas duas últimas temporadas, já que também levantaram a taça do extinto Torneio Touchdown, em 2015.

Os pontos que garantiram o grito de campeão ao Rex foram marcados por Well Garcia, que anotou três touchdowns, Guilherme Meurer e Clair José . O kicker Diego Boddenberg acertou um field goal e três extra-points. Pelo lado dos rubro-negros cariocas, pontuaram Patrick Dutton (duas vezes) e KC Frost. O kicker Daniel acertou um field goal e todos os três extra-points.

Foto: Takahiro Takahashi
Foto: Takahiro Takahashi

craque da partida

Com três touchdowns marcados no Brasil Bowl, o runningback Well Garcia foi o MVP da partida. Ele foi responsável por metade dos pontos marcados pelo Rex na decisão. De quebra, Well ainda se tornou o artilheiro brasileiro da Superliga Nacional, empatado com Felipe Florêncio do Flamengo. Cada um marcou 12 TDs.

Foto: Takahiro Takahashi
Foto: Takahiro Takahashi

detalhe touchdown

O Rex mostrou que é time de chegada. Após perder o primeiro jogo da temporada regular par o São José Istepôs, não faltou quem questionasse o nível da equipe catarinense para 2016. A resposta veio ao longo da Superliga Nacional: campanha de 9-1, quebrando a invencibilidade de Cuiabá Arsenal-MT e Flamengo FA.-RJ, que estavam invictos.

De quebra, a equipe comandada pelo head coach Amadeo Salvador ainda teve a melhor defesa da competição, com apenas 65 pontos cedidos nos 10 jogos, rendendo uma média de um touchdown sofrido por partida.

Foto: Takahiro Takahashi
Foto: Takahiro Takahashi


Veja também