20
dez

Saiba como salvar a dieta nas ceias de fim de ano

20 / dez
Publicado por Luana Ponsoni às 16:50

O clima das festas de fim de ano está no ar. Além de todo o simbolismo da época, a gastronomia desse período é uma das mais aguardadas. Resistir à fartura de comes e bebes de confraternizações e festas em família é um grande desafio, principalmente para quem não quer abrir mão da dieta.  O segredo, porém,  não é deixar de comer, mas fazer escolhas mais adequadas para não ter surpresas desagradáveis com as calorias extras ingeridas nas festividades.

Para ajudar a salvar as dietas alheias neste período, o Blog  traz dicas valiosas da nutricionista do setor de Medicina Preventiva do Hapvida, Joyce Alencastro.

PERU DE NATAL

O peru pode ser substituído por frango, soja ou peixeS como o bacalhau, por exemplo. Mas tão importante quanto a substituição do peru é a forma com que ele será preparado e, principalmente, temperado – ervas é uma boa pedida, que, além de deixá-lo saboroso, vai agregar valores nutricionais importantes. São fatores decisivos para manter o equilíbrio na dieta o tipo de preparo, a parte consumida, que deve ser preferencialmente o peito e os acompanhamentos do prato.

 MESA FARTA

 É possível realizar uma ceia saudável e farta. A escolha dos alimentos e a forma de preparação é que vai torná-la saudável ou não.

 COMER MENOS NOS DIAS QUE ANTECEDEM AS CEIAS

Pegar leve dias antes para comer de tudo nas ceias é enganar o metabolismo e a si mesmo, podendo acarretar efeitos contrários e desastrosos. Moderação deve ser a palavra de ordem. E depois da ceia vêm as férias e o verão, períodos que são planejados durante todo o ano e que podem cair por terra, dependendo da gula desencadeada nas festas de fim de ano.

 OLEAGINOSAS

Até mesmo os aperitivos saudáveis merecem moderação, como as sementes oleaginosas que são conhecidas por serem ricas em vitaminas, minerais e boas fontes de gordura. O excesso pode causar desconfortos gastrointestinais,  por exemplo.

 BEBIDAS ALCOÓLICAS

O ideal é que não haja o consumo de nenhum tipo de bebida alcoólica. Mas, se puder optar, vinho tinto é uma boa fonte de antioxidantes, importantes  para combater os radicais livres e ajudar a eliminar substâncias indesejáveis consumidas na ceia.

SOBREMESAS

Para os que não abrem mão das sobremesas, salada de frutas – sem leite condensado ou mel – e frutas, por exemplo, são boas opções.


Veja também