11
jun

Conheça os benefícios do treino com eletroestimulação muscular

11 / jun
Publicado por Luana Ponsoni às 14:41

Bastante popular na Europa, o treinamento com eletroestimulação muscular começa a cair também no gosto do pernambucano. A tecnologia utiliza estímulos elétricos para recriar o movimento natural do sistema nervoso na ativação dos músculos. Entre os benefícios destacados pelos profissionais que trabalham com a modalidade de exercício, estão a hipertrofia, o emagrecimento e até mesmo a redução da celulite e da flacidez.

Quem já tem uma rotina de atividade física pode recorrer ao método para complementar as atividades. Mas idosos e obesos também devem aproveitar os benefícios desse treinamento.

 

Geralmente o treino com eletroestimulação muscular é utilizado como complemento para ganhar massa muscular, perder percentual de gordura… É extremamente indicado para idosos que querem aumentar a massa muscular e estão com osteoporose ou sarcopenia. Os obesos também encontram uma atividade que tem gasto calórico elevado, sem sobrecarga articular”

Alice Araújo, personal trainer e instrutora do Studio BodyTime.

Diferente do que muitos podem imaginar, porém, essa modalidade não é realizada de forma estática. O aluno executa atividades como abdominais, agachamentos e outros movimentos enquanto recebe os estímulos elétricos. A sessão dura 12 minutos na aula experimental e 20 nos trabalhos convencionais. Também é possível escolher entre dois programas. O metabólico tem alto gasto calórico e auxilia no processo de emagrecimento. Já o de força é ideal para a hipertrofia e melhora do tônus muscular.

Outro ponto exaltado pelos profissionais do método é a questão da otimização de tempo. “A eletroestimulação é mais geral e a gente chama de eletroestimulação de corpo inteiro. Porque é possível trabalhar, em média, 300 músculos de forma mais integrada e de uma vez só”, observou Alice.

Pessoas em tratamento contra o câncer, com implantes ativos ou que sofrem de diabetes ou hipertensão descontrolados, porém, não podem se submeter à esse treinamento. “Nesse últimos casos, em razão da intensidade da atividade, algo que se aplicaria a qualquer outra modalidade de treino”, concluiu Alice.


Veja também