Quebrar o silêncio é arma para barrar a violência contra a mulher

Série de reportagens sobre violência de gênero foi tema do Programa Consultório de Graça, especialmente transmitido do Instituto JCPM
Da editoria de Cidades
Publicado em 14/11/2017 às 7:03
Série de reportagens sobre violência de gênero foi tema do Programa Consultório de Graça, especialmente transmitido do Instituto JCPM Foto: Foto: Arnaldo Carvalho

“Não silencie. Denuncie”. O alerta foi dado pela delegada Gleide Ângelo, gestora do Departamento de Polícia da Mulher, na tarde desta segunda-feira (13), durante o programa Consultório de Graça, da Rádio Jornal, especialmente transmitido do Instituto JCPM de Compromisso Social, com a participação de mulheres dos bairros de Brasília Teimosa e do Pina, na Zona Sul do Recife.

Comandado pela jornalista Graça Araújo, o programa discutiu a violência que mata e aprisiona a mulher, temática central da série de reportagem especial #ACulpaNãoéDelas. O projeto integrado foi publicado, no final do mês passado, no Jornal do Commercio, veiculado na TV Jornal e Rádio Jornal, além de ganhar versão multimídia no JC Online.

O especial abordou, entre outras questões, a necessidade de desconstruir a culpa que recai sobre a mulher, apesar da violência sofrida dentro e fora de casa. A conversa contou com a participação das jornalistas Ciara Carvalho, do JC, e Anne Barreto, da TV Jornal, que integraram a equipe que produziu a série de reportagens.

Durante uma hora, as mulheres das duas comunidades puderam tirar dúvidas sobre como denunciar os agressores e relataram experiências de violência sofridas.

“Mulher protegida não morre. Quando a mulher vai à delegacia e denuncia, ela inibe o agressor. Não podemos mais ficar caladas”, reforçou a delegada Gleide Ângelo. Após o programa na Rádio Jornal, o debate continuou na TV JC, com a participação de Aline Silveira, uma das coordenadora do coletivo Mete a Colher, um aplicativo que ajuda mulheres a denunciar relacionamentos abusivos.

SÉRIE ESPECIAL

A série #ACulpaNãoéDelas foi publicada no JC, entre os dias 29 e 31 de outubro, e na TV Jornal e Rádio Jornal, de 30 de outubro ao dia 2 deste mês. O especial multimídia pode ser acessado no jconline.com.br/aculpanaoedelas e as reportagens da TV Jornal no endereço tvjornal.com.br; e da Rádio Jornal, no radiojornal.com.br.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes JC


Quebrar o silêncio é arma para barrar a violência contra a mulher

Série de reportagens sobre violência de gênero foi tema do Programa Consultório de Graça, especialmente transmitido do Instituto JCPM Foto: Foto: Arnaldo Carvalho

Você atingiu o limite de conteúdos que pode acessar.

O seu conteúdo grátis acabou

Já é assinante?

Dúvidas? Fale Conosco

Ver condições

Veja também
últimas
Mais Lidas