19
ago

Tudo pronto para o Taiti Pro em Teahupoo

19 / ago
Publicado por Alexandre Gondim às 16:48

Contagem regressiva para o início da janela de realização para a sétima etapa do circuito mundial de surfe na praia dos crânios quebrados, Teahuppo, como chamam os locais.

E falando neles, foi um deles que venceu as triagens ontem, 18/8, que definem os dois melhores convidados para participarem do evento. Com um forte swell castigando a afiada bancada da mais poderosa esquerda do circuito dos sonhos, o taitiano de 17 anos,  Kauli Vaast venceu em ondas de 6 a 8 pés perfeitas. o vice-campeão foi o havaiano Tyler Newton que também irá disputar o Tahiti Pro .

Foto Instagram @lucaschumbo

O único brasileiro convidado para as triagens Lucas Chianca perdeu nas quartas de final diante de outro local, Mihimana Braye.

A partir de quarta-feira, 21/8, Gabriel Medina defende o troféu levantado em 2018, ele que é Bicampeão neste pico, esta em sétimo lugar este ano e já esta com chances de brigar pela liderança do ranking contra o norte-americano Kolohe Andino. Além dele, mais dois brasileiros podem sair do Taiti com a lycra amarela do Jeep Leaderboard, o vice-líder Filipe Toledo e Ítalo Ferreira, quarto colocado.

Gabriel Medina. Foto: Poullenot / WSL

E é ele, Gabriel Medina, quem vai abrir o Tahiti Pro esse ano, pois foi escalado na primeira bateria com dois estreantes que nunca competiram na bancada mais temida do WSL World Tour, o paranaense Peterson Crisanto e o australiano Soli Bailey.

O potiguar Italo Ferreira está na quarta bateria com o havaiano Sebastian Zietz, o paulista Filipe Toledo entra na seguinte com o francês Joan Duru e o líder, Kolohe Andino, na sexta com o catarinense Yago Dora. Essas três baterias serão completadas pelos convidados e pelo vencedor e vice da triagem, Kauli Vaast e Tyler Newton.

Gabriel Medina. Foto: Steve Robertson / WSL

Os melhores surfistas do mundo já estão a vários dias preparando-se para enfrentar o maior desafio do circuito, nos mais temidos e perigosos tubos da Polinésia Francesa.

Italo Ferreira . Foto:Kelly Cestari / WSL

Serão doze brasileiros que irão participar mais uma vez nas etapas do Tour esse ano. São os onze titulares da “seleção verde-amarela” e o paulista Caio Ibelli substituindo o bicampeão mundial John John Florence, que lesionou o joelho durante o Oi Rio Pro em Saquarema e não deve mais competir esse ano.

Filipe Toledo. Foto: Poullenot / WSL

Caio vai estrear no Tahiti Pro junto com o campeão mundial Adriano de Souza na terceira bateria, encabeçada pelo japonês Kanoa Igarashi, número 5 do ranking e um dos sete surfistas que vão brigar pela ponta do ranking nos tubos de Teahupoo.

Adriano de Souza . Foto: WSL

Acompanhe !!!! Boa ondas….


Veja também