30
ago

Crítica: Onde Está Você, João Gilberto?, de Georges Gachot

30 / ago
Publicado por Ernesto Barros às 5:08

O violonista, compositor e cantor baiano João Gilberto, 87 anos, nunca foi um presa fácil. Obsessivo, arredio e solitário, reza a lenda que ele descobriu a invulgar batida do seu violão, a marca da Bossa Nova, após atingir o Nirvana num banheiro de uma casa de Diamantina, em Minas, onde passou alguns meses morando com […]

VER MAIS
23
ago

Crítica: Benzinho, de Gustavo Pizzi

23 / ago
Publicado por Ernesto Barros às 16:51

Esteio da importância do diretor como principal responsável pela obra cinematográfica, a Teoria do Autor, surgida na França, no final dos anos 1950, deixou de lado a importância que outros membros de uma equipe de produção tivessem relevância próxima ao dos cineastas. Na época, a luta contra produtores e roteiristas, que se achavam donos dos […]

VER MAIS
22
ago

Crítica: Histórias que Nosso Cinema (não) Contava, de Fernanda Pessoa

22 / ago
Publicado por Ernesto Barros às 21:46

Por mais de uma década, entre 1969 e 1980, durante a Ditadura Militar, o cinema brasileiro caiu no gosto popular. Desafiando a censura e a fúria dos críticos, mais de 300 longas-metragens, produzidos no Rio e em São Paulo, invadiram as salas de cinema do País com histórias e imagens que faziam a plateia morrer […]

VER MAIS
18
ago

Fernanda Pessoa propõe olhar político sobre a pornochanchada em Histórias que Nosso Cinema (não) Contava

18 / ago
Publicado por Ernesto Barros às 9:58

Sempre vistas como sem valor e causa da má fama do cinema brasileiro, as pornochanchadas – comédias de teor erótico que marcaram a década de 1970, na época da Ditadura Militar e da censura – não eram tão inocentes como se pensa. A prova disso está no longa-metragem Histórias que Nosso Cinema (não) Contava, que […]

VER MAIS
16
ago

Crítica: O Protetor 2, de Antoine Fuqua

16 / ago
Publicado por Ernesto Barros às 17:38

Dos grandes astros do cinema americano atual, o ator negro Denzel Washington foi um dos que mais demoraram a encontrar um personagem que ganhasse vida em mais de um filme. Antes dele, Harrison Ford, Bruce Willis e Tom Cruise – só para citar três campeões de bilheteira – tiveram franquias longevas, e que ainda estão […]

VER MAIS