29
nov

Crítica: Infiltrado na Klan, de Spike Lee

29 / nov
Publicado por Ernesto Barros às 15:56

Vencedor do Grande Prêmio do Júri do Festival de Cannes 2018, o longa Infiltrado na Klan, de Spike Lee, em cartaz nos cinemas brasileiros, pode ser considerado o filme do ano. Nenhum filme havia sido, até agora, capaz de formular uma resposta tão contundente quanto hilária à onda de retrocesso político que atingiu os Estados […]

VER MAIS
19
nov

Crítica: Em Chamas, de Lee Chang-dong

19 / nov
Publicado por Ernesto Barros às 21:40

Nos últimos 14 anos, o cineasta coreano Lee Chang-dong realizou apenas três longas-metragens. Este tempo entre um e outro filme se reflete no rigor com que todos foram feitos. Em Chamas, seu último trabalho, que esteve na Seleção Oficial do Festival de Cannes deste ano – apesar de ter ficado de fora da premiação, ganhou […]

VER MAIS
19
nov

Crítica: Sueño Florianópolis, de Ana Katz

19 / nov
Publicado por Ernesto Barros às 21:18

Em meados dos anos 1990, o Brasil e a Argentina viveram um pequeno idílio econômico às custas das políticas neoliberais dos dois países, com suas moedas em alta e em relação de igualdade com o dólar. Naquela época, enquanto os brasileiros se refestelavam em delicatessen de importados, os argentinos invadiam o Brasil em busca de […]

VER MAIS
17
nov

Crítica: Um Segredo em Paris, de Elise Girard

17 / nov
Publicado por Ernesto Barros às 18:38

As imagens de Paris costumam ser um cartão-postal sem novidade. Nas comédias românticas, então, parecem inevitáveis. Esse tipo de filme encontrou um público cativo, que confunde cinema com propaganda turística. O longa francês Um Segredo em Paris,  em cartaz no Cinema Rosa e Silva e no Cinépolis Guararapes, poderia ser mais um desses filmes. Mas […]

VER MAIS
07
nov

Uma saga escrita em renda e realidade

07 / nov
Publicado por Ernesto Barros às 15:57

Os traços, simples e econômicos, contornam as figuras, destacando-as da paisagem. Os quadrinhos são desenhados com precisão e pintados com lápis de cera. A impressão é forte e duradoura. Tiras de renda separam e emolduram as sequências. Elas nos levam a pensar que uma mão muito sensível foi responsável por embevecer os nossos olhos. A […]

VER MAIS