Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Impedido de debater na Metrópole, vice de Armando discursa em frente à boate

Blog de Jamildo
Blog de Jamildo
Publicado em 19/09/2014 às 21:50
Leitura:

Paulo Rubem não pôde debater na Metrópole. Foto: BlogImagen Paulo Rubem não pôde debater na Metrópole. Foto: BlogImagen

O vice candidato da chapa Pernambuco Vai Mais Longe, Paulo Rubem (PDT), discursou na noite desta sexta-feira (19) em frente à boate Metrópole, na Rua das Ninfas, no Centro do Recife. O político, vice de Armando Monteiro Neto (PTB), foi impedido de participar do debate LGBT que acontecia dentro da casa noturna. Contrariado com o veto, ele não teve dúvida, subiu num banco, pegou o megafone e discursou ali mesmo, na calçada.

Segundo o vice-presidente do Movimento Gay Leões do Norte, Nicolas Júnior, o veto se deu porque o objetivo do debate era ouvir as propostas dos candidatos voltadas para o segmento LGBT.

"A gente fez o convite com bastante antecedência aos candidatos ao Senado e ao Governo do Estado", explicou o interlocutor do movimento. O convite, de acordo com o representante, foi feito há um mês e meio.

"Colocamos que só o titular poderia participar para que pudéssemos cobrar depois as promessas que eles fizeram no debate. Por isso, estamos registrando tudo em vídeo", disse Nicolas Júnior.

Revoltado com o  impedimento, Paulo Rubem afirmou que uma aliança política não é um "ajuntamento de pessoas" e que ele, Armando e João Paulo costumam participar de agendas separadamente. Ele classificou o episódio como "lamentável".

O vice tinha ido ao debate discutir as políticas públicas da coligação para a comunidade LGBT e disparou que não será um vice "bunda mole" e não aceitará a "presunção" de quem acha que ele fará um mandato sem autonomia.

"Eu não vim aqui pelo meu cpf ou pela minha carteira de identidade. Vim aqui representar uma coligação, composta por seis partidos. Eu não vou deixar ninguém presumir que como vice do candidato Armando Monteiro eu vou ser um 'bunda mole'", disparou, acrescentando que o compromisso do governo é com a equipe.

"Temos o compromisso de governar com a equipe. Aqui não tem nenhuma rainha da Inglaterra. Eu tenho uma história política", acrescentou, afirmando que não governaria sozinho.

"Isso é uma grossa picaretagem. É a tentativa de impedir a manifestação de uma coligação. É o único movimento que impediu a fala", esbravejou Paulo Rubem.

O candidato aproveitou o espaço para alfinetar a chapa adversária, da Frente Popular, afirmando que a coligação Pernambuco Vai Mais Longe venceria a eleição de forma democrática, sem recorrer a "maracutaias".

Paulo Rubem foi ao evento para representar o candidato ao governo de Pernambuco Armando Monteiro, que cumpre agenda no interior do Estado.

Últimas notícias