Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Antônio Campos quer disputar Prefeitura de Olinda

Blog de Jamildo
Blog de Jamildo
Publicado em 10/03/2015 às 7:43
Leitura:

Foto: reprodução do Facebook Foto: reprodução do Facebook

Por Jumariana Oliveira

Do Jornal do Commercio desta terça-feira (10).

A disputa pela Prefeitura de Olinda deve esquentar no próximo ano. Irmão do ex governador Eduardo Campos, o advogado Antônio Campos (PSB) deverá encarar sua primeira eleição. Apesar de adotar cautela ao falar sobre o assunto, o socialista defende que o partido lance candidatura própria e já começa a fazer os primeiros movimentos com o objetivo de ter maior inserção nas discussões envolvendo o município. Na próxima quinta­feira, dia no aniversário de Olinda, o advogado vai inaugurar uma instituição sem fins lucrativos na cidade ­ a Casa doLivro Infantil e da Leitura de Olinda.

Nos bastidores do PSB, a informação é de que Antônio teria mudado o domicílio eleitoral para disputar o Executivo municipal. Ele, no entanto, nega que tenha feito essamovimentação recentemente, mas admite o interesse em discutir os problemas da cidade. "A gestão de Olinda merece ser melhorada e Olinda precisa ter um planejamento estratégico que coloque a mesma como uma cidade de economia criativa. Tenho como postura ser mais propositivo e pretendo debater os problemas de Olinda de forma elevada, propondo uma agenda positiva. Olinda pode mais", afirmou.

O advogado disse que se a eleição fosse agora ele não disputaria, mas ressaltou que quer iniciar as conversas agora para pavimentar a candidatura em 2016. Segundo ele,é preciso debater com a sociedade e companheiros de partido. "Defenderei junto ao PSB candidatura própria em Olinda", complementou.

A disputa pela prefeitura da cidade será a primeira eleição do socialista caso ele prossiga com os planos. Campos atuou por muitos anos como advogado do partido, sem nunca ter tentado espaços eletivos. Após a morte do ex governador Eduardo Campos, ele se tornou um dos principais interlocutores da família. O socialista disse que não há problemas em conversar com os partidos que hoje estão no comando da cidade ­ PCdoB e PT ­, mas destacou que vai defender a alternância de poder. O PCdoB do prefeito Renildo Calheiros já está no comando da cidade há quase 15 anos.

Questionado sobre o assunto, o governador Paulo Câmara (PSB) disse que o correligionário é que deve fazer a escolha.

Últimas notícias