Geraldo Julio assina contrato com HCP para gestão do Hospital da Mulher

jamildo
Cadastrado por
jamildo
Publicado em 26/04/2016 às 19:36
Hospital da mulher FOTO:
Leitura:

O prefeito do Recife, Geraldo Julio, assina, nesta quarta-feira (27), o termo para a gestão do Hospital da Mulher do Recife. O Hospital de Câncer de Pernambuco (HCP) foi o vencedor do processo seletivo e firma o contrato com a Prefeitura do Recife para o gerenciamento, operacionalização e a execução das ações e serviços de saúde da primeira unidade municipal voltada para as mulheres da cidade.

A seleção dos candidatos para ocuparem as 455 vagas de emprego disponibilizadas para o local já está em andamento. A unidade de saúde será inaugurada no Dia das Mães, no dia 8 de maio.

LEIA TAMBÉM:

Dilma ajuda Geraldo Julio com R$ 24 milhões para Hospital da Mulher no Recife

Geraldo Julio reafirma aos vereadores entrega de dois Compaz e Hospital da Mulher, após prestar contas sobre ações em 2015

Após atrasos, Geraldo Julio promete Hospital da Mulher para primeiro trimestre de 2016

O contrato de gestão, com vigência de dois anos, poderá ser prorrogado por mais dois anos, até o tempo máximo de 10 anos. Consta no documento exigência de metas mínimas a serem atingidas conforme a capacidade de atendimento estabelecido para o Hospital da Mulher, bem como a entrega de relatórios mensais de avaliação e desempenho a serem utilizados mediante indicadores de qualidade e produtividade que estão detalhados em um plano de trabalho.

O Hospital da Mulher é a maior unidade de saúde já construída pela Prefeitura do Recife. Iluminação, aparelhos de ar-condicionado, instalações elétricas e hidráulicas, de um modo geral, já estão funcionando, além de alguns equipamentos, como os de raio-X e tomografia, que já estão instalados.

A unidade tem capacidade para realizar por mês 400 partos, 250 cirurgias, além de 10.000 atendimentos ambulatoriais de pré-natal de alto risco, assistência ao parto e puerpério e atendimento em diversas sub especialidades, tais como: ginecologia infanto puberal, climatério, serviço de esterilização cirúrgica, mastologia e assistência à população LGBTT (lésbicas, bissexuais e transexuais).

Últimas notícias