Ministro confirma André Moura para liderança do governo na Câmara

jamildo
Cadastrado por
jamildo
Publicado em 18/05/2016 às 12:06
Leitura:

Foto: Antonio Augusto/ Câmara dos Deputados Foto: Antonio Augusto/ Câmara dos Deputados

Estadão Conteúdo - O chefe da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, confirmou há pouco a escolha do deputado André Moura (PSC-SE) para a liderança do governo na Câmara. O parlamentar é aliado do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O grupo ligado a Temer preferia a nomeação de Rodrigo Maia (DEM-RJ) para o posto.

LEIA MAIS:

>> Temer abriga aliados de Cunha no Planalto

>> Temer nomeia advogado de Eduardo Cunha para Jurídico da Casa Civil

>> Michelzinho escolhe marca do governo Temer e vira meme na web; veja

>> PT não inventou corrupção, mas sistematizou atuação partidária, acusa Delcídio

A indicação do nome de Moura foi apresentada na noite desta terça-feira em reunião com Geddel e o presidente interino Michel Temer pelo chamado 'Centrão' - bloco informal composto ao todo por 12 partidos, entre eles o PP, PR, e PSD e legendas nanicas que lideraram a articulação para a aprovação do processo de impeachment na Casa. O 'Centrão' se autodenomina representante de cerca de 300 deputados, o que significaria o maior "bloco" na Casa.

>> Governo Temer define ‘ordem e progresso’ como slogan

>> Novo slogan de Governo Temer gera memes na internet; confira

>> ‘Bela, recatada e do lar’: campanha na web ironiza perfil de Marcela Temer em revista; Veja os memes

"Entendemos que ele tem uma boa interlocução e essa proximidade com todos os partidos e deputados certamente facilitará muito a sua locução para aprovar as medidas que são necessárias", disse o deputado Jovair Arantes (GO), líder do PTB, logo após a reunião. No encontro com Temer, entretanto, os parlamentares ouviram que a nomeação do líder de governo era uma prerrogativa do governo e não da Câmara.

>> Na avaliação de Delcídio, Temer indicou ministros ‘fraquinhos’

» Posse de ministros de Temer confirma ausência de mulheres no primeiro escalão

» “Não fale em crise, trabalhe”, diz Michel Temer em discurso de posse

» Quatro pernambucanos entre os ministros de Temer; Fernando Filho é novidade na Minas e Energia

Geddel havia dito na terça que o nome do líder seria definido até a sexta-feira, mas o martelo foi batido ainda na noite de terça. Ele não esclareceu os motivos da escolha do deputado.

Últimas notícias