Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Janot pede a prisão de Renan, Sarney e Jucá por tentarem barrar a Lava Jato

jamildo
jamildo
Publicado em 07/06/2016 às 7:57
Leitura:

Romero-Juca-e-Renan-Calheiros-Foto-Geraldo-Magela-Ag-Senado Os pedidos das prisões estão com ministro Teori Zavascki, do STF

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a prisão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP) e do senador Romero Jucá (PMDB-RR).

» Janot pediu, também, a prisão de Eduardo Cunha

» Delação de Sérgio Machado é homologada pelo STF

» José Sarney diz que vai processar Sérgio Machado

» Gravações: Sarney promete ajudar Sérgio Machado a escapar de Moro, mas ‘sem advogado’

A informação foi divulgada pelo jornal O Globo nesta terça-feira (7), e segundo a reportagem, provém de um interlocutor de ministros do STF.

» Em nota, Renan diz que suas opiniões são públicas e se desculpa com Aécio

» Renan Calheiros defende mudança na lei de delação em gravação obtida por jornal

» Janot pede prisão de Renan, Sarney, Jucá e Cunha mas a internet não perdoa; veja os memes

Os três, Renan, Sarney e Jucá, são personagens principais das conversas gravadas pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, onde tramavam contra a Operação Lava Jato. Os pedidos de prisão já estão com o ministro Teori Zavascki, do STF, há pelo menos uma semana.

» Sílvio Costa e Romero Jucá trocam farpas em sessão para votar a meta fiscal

» Bancadas do PT, PDT, PPS, PCdoB e Rede do Senado vão à PGR contra Romero Jucá

» Tucanos dizem que Sérgio Machado tenta incriminar Aécio Neves a todo custo na Lava Jato

Janot também pediu o afastamento de Renan da Presidência do Senado, usando argumentos similares aos empregados no pedido de destituição de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) da presidência da Câmara e do mandato de deputado federal, o que acabou sendo atendido pelo STF.

Últimas notícias