Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

A um mês do julgamento do impeachment, Vem Pra Rua faz manifestação com menor adesão

Blog de Jamildo
Blog de Jamildo
Publicado em 31/07/2016 às 15:00
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Leitura:

Centenas de manifestantes do movimento Vem Pra Rua se reuniram, neste domingo (31), na Avenida Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, para o sexto ato contra a presidente afastada Dilma Rousseff (PT). A adesão ao protesto, porém, não foi tão grande quanto a das últimas manifestações. O Supremo Tribunal Federal (STF) marcou para o dia 29 de agosto o início do julgamento do impeachment.

LEIA TAMBÉM

» Jarbas diz que Dilma está “conspirando dentro do palácio”

Nem os organizadores nem a Polícia Militar divulgaram o número de pessoas no percurso, que foi da Padaria Boa Viagem até o Segundo Jardim, mas a menor concentração em relação aos outros atos foi percebida pela equipe do Jornal do Commercio e por políticos que estiveram na manifestação. O deputado federal Daniel Coelho (PSDB), pré-candidato a prefeito do Recife, justificou a queda no número de manifestantes afirmando que eles já dão como certo o impeachment da petista. "É um fato consolidado. A população percebe isso", disse o tucano.

Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem - Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem - Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem - Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem - Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem - Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem

A concentração começou por volta das 10h, mas já passava das 11h quando a caminhada saiu. Os manifestantes cantaram o Hino Nacional.

Faixas levadas pelos manifestantes exaltavam o juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato. Já em relação ao ex-presidente Lula (PT), o pedido era que ele fosse preso. Houve um 'apitaço' no momento em que foi colocada a voz dele no trio elétrico. A 'jararaca' e um Pixuleco foram levados. Um grupo reivindicava intervenção militar no País, mas, no Segundo Jardim, ponto final do protesto, teve que sair da manifestação. A PM foi chamada para controlar o tumulto.

Últimas notícias