PCdoB quer ida de Moro à Câmara para falar sobre acusações a Bolsonaro. Rede Sustentabilidade vai pedir impeachment

José Matheus Santos
Cadastrado por
José Matheus Santos
Publicado em 24/04/2020 às 12:40
Foto: Marcos Corrêa/Presidência da República
Foto: Marcos Corrêa/Presidência da República
Leitura:

A líder do PCdoB na Câmara dos Deputados, deputada Perpétua Almeida (PCdoB-AC), disse que elabora um pedido de convocação de Sergio Moro, agora ex-ministro da Justiça, para depor sobre acusações feitas ao presidente Jair Bolsonaro.

"Como líder da bancada do PCdoB, estou encaminhando a convocação para Sérgio Moro comparecer na Câmara e esclarecer o conjunto de crimes que presenciou o Presidente Bolsonaro cometer", disse Perpétua.

LEIA TAMBÉM:

> Sergio Moro deixa Ministério da Justiça e acusa Bolsonaro de interferência política na PF

> Paulo Câmara diz que Moro fez ‘revelações contundentes’ ao sair do governo Bolsonaro

> Ex-ministro da Saúde, Mandetta elogia Sergio Moro e diz que ‘outras lutas virão’

Nesta sexta-feira (24), Sergio Moro acusou o presidente Jair Bolsonaro de tentar interferir politicamente no comando da Polícia Federal para ter acesso a relatórios de investigação da corporação. O estopim para saída de Moro foi a saída do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo, publicada nesta sexta-feira (24) no Diário Oficial da União.

"A coletiva de Moro é uma delação e enquadra Bolsonaro em vários crimes previstos na Constituição Federal e no Código de Processo Penal", afirmou a deputada.

O requerimento de convocação ainda precisa passar por votação na Câmara dos Deputados.

LEIA MAIS:

> Associação dos Delegados da PF cobra ao Congresso aprovação de mandato para diretor da corporação

> Bolsonaro exonera diretor da Polícia Federal, Maurício Valeixo, indicado por Sergio Moro

Rede

O líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (AP), anunciou que a Rede Sustentabilidade vai protocolar ainda nesta sexta um pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro.

 

Últimas notícias