Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Frente de Luta pede ao governo que empresas de ônibus forneçam EPIs e façam teste de coronavírus nos rodoviários

José Matheus Santos
José Matheus Santos
Publicado em 30/04/2020 às 10:30
Pedro Josephi, advogado e agora ex-integrante da Frente de Luta pelo Transporte Público (FLTP). Foto: Divulgação
Pedro Josephi, advogado e agora ex-integrante da Frente de Luta pelo Transporte Público (FLTP). Foto: Divulgação
Leitura:

A Frente de Luta pelo Transporte Público de Pernambuco (FLTP) solicitou ao secretário de Desenvolvimento Urbano de Pernambuco, Marcelo Bruto, que sejam realizados testes do coronavírus em motoristas, cobradores e fiscais no Grande Recife.

No requerimento, feito pelo advogado Pedro Josephi e do estudante Márcio Morais, representantes da sociedade no Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM), os conselheiros afirmam que o sistema de transporte opera durante a pandemia "sem a devida e necessária proteção aos trabalhadores, expondo, assim, os trabalhadores e a população também".

“Pessoas positivadas ou com sintomas utilizam o transporte coletivo para irem aos hospitais, e isso expõe motoristas, cobradores e fiscais. Eles estão trabalhando sem os EPIs, o que é uma obrigação das empresas de ônibus e um dever do Grande Recife fiscalizar. Os ônibus continuam saindo superlotados, desrespeitando o decreto do próprio governador”, afirma Pedro Josephi.

Foto: Reprodução

Além do fornecimento dos EPIs, a Frente de Luta solicita que sejam realizados testes em todos os profissionais envolvidos com a operação do Sistema de Transporte.

“Quem trabalha no transporte está com medo, sem saber se está contaminado ou não. O Grande Recife tem que fazer testagem nos seus funcionários e deve obrigar as empresas a fazer nos seus profissionais que estão diretamente operando com o público”, diz Márcio Morais.

"Notificamos também o deputado estadual William Brígido, presidente da Comissão de Mobilidade Urbana da Alepe, para que apresente iniciativa legislativa impedindo o trabalho dos rodoviários sem a devida proteção", acrescentou Pedro Josephi.

Caso o requerimento não seja acatado, a Frente de Luta deverá representar a Urbana e o Grande Recife junto ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para que adotem as medidas de proteção aos trabalhadores e usuários do sistema de transporte.

Últimas notícias