Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Prefeitura do Recife ajuda organização de filas em oito agências da Caixa

jamildo
jamildo
Publicado em 04/05/2020 às 16:10
Leitura:

A Prefeitura do Recife começou a intervir na organização das filas do banco federal desde a última quinta-feira (30), quando as filas das agências da avenida Caxangá e CDU foram organizadas pela Guarda Municipal do Recife.

No sábado (2) a ação foi realizada nas agências de Afogados, Casa Amarela e Encruzilhada. A busca por informações e o pagamento do auxílio emergencial tem gerados aglomerações e filas em todo o Brasil.

Nesta segunda, a Prefeitura do Recife continuou a operação especial, em oito das maiores agências da Caixa Econômica Federal da cidade, localizada nos bairros de Afogados, Casa Amarela, Encruzilhada, Imbiribeira, Cordeiro, Santo Antônio, Engenho do Meio e Boa Vista.

Segundo a PCR, a ação tem como objetivo de evitar a propagação do novo coronavírus entre a população que está em busca do auxílio emergencial, e contou com a participação da Guarda Municipal e da CTTU para auxiliar os funcionários do banco a organizar as filas e assim permitir o distanciamento social.

Além do apoio na organização, foi distribuído álcool em gel, o chão de toda a rua foi sinalizado para marcar a distância entre as pessoas.

A Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife aplicou a técnica reconhecida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no enfrentamento ao novo coronavírus nas agências três agências.

Também foram distribuídas máscaras de proteção para os clientes e máscaras do tipo escudo facial para os funcionários das agências.

Segundo a Coordenadora do Controle vetorial do Recife, Ellyda Vanessa a Secretaria de Saúde do Recife aplicou a técnica reconhecida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no enfrentamento ao novo coronavírus nas agências de maior fluxo de pessoas do Recife.

“As pessoas precisam receber seus benefícios na Caixa e a gente vem atuando no sentido de minimizar esses impactos da aglomeração de pessoas para que consigamos diminuir a transmissão do coronavírus. É mais uma medida entre tantas outras adotadas pela gestão, como a obrigatoriedade do uso de máscaras”, disse Ellyda Vanessa.


SANITIZAÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS

De acordo com a gestão socialista, o Recife foi a primeira capital do Nordeste a utilizar a sanitização em lugares públicos. O processo consiste na aplicação de um desinfetante com ação viricida de alto nível, cuja ação tem início em até cinco minutos e o efeito residual atua por 24 horas.

"Com os devidos Equipamentos de Proteção Individual (EPI), os Agentes de Saúde Ambiental e Controle de Endemias (Asaces) e outros profissionais das equipes da Vigilância Ambiental do Recife são responsáveis por desinfectar diariamente cerca de 200 equipamentos de saúde, mais de 200 paradas de ônibus e estações de BRT, terminais integrados de passageiros, a sede da Prefeitura, mercados públicos, equipamentos da assistência social, entre outros lugares estratégicos.", diz a PCR.

Como o vírus pode permanecer por algumas horas em superfícies como metal, vidro ou plástico, o processo de desinfecção química pode inativar qualquer agente viral presente nos ambientes que ofereçam riscos à proliferação da covid-19.

A estratégia implementada pela Secretaria de Saúde do Recife faz parte do Plano Municipal de Contingência Covid-19 e é um complemento à higienização dos locais, não substituindo a limpeza regular que já é feita rotineiramente em cada um dos espaços visitados.

Últimas notícias