Contágio nas escolas não se confirmou em São Paulo

jamildo
Cadastrado por
jamildo
Publicado em 07/12/2020 às 13:30
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Leitura:

Em um informe de Veja, um levantamento elaborado pela Associação Brasileira de Escolas Particulares em parceria com o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de São Paulo indicou que a retomada das atividades nas instituições privadas não resultou em uma maior infecção pelo coronavírus.

De acordo com o estudo, 87% dos colégios pesquisados relataram não ter sequer um caso registrado de Covid-19.

Entre os professores, contudo, o número é um pouco menor, mas ainda otimista: 75% disseram não ter sido infectados.

A reabertura das escolas para atividades de reforço foi liberada no estado em setembro. Um mês depois, parte das aulas presenciais foi retomada.

Vacinas

No Brasil, a proposta da Pfizer enviada ao governo federal para a entrega de milhões de doses do imunizante em 2021 está prestes a expirar .

Segundo a companhia, 50 milhões de unidades serão desenvolvidas em 2020, e 1,3 bilhão em 2021. Se o Ministério da Saúde não responder à farmacêutica nos próximos dias, o país ficará em segundo plano nessa corrida.

"Após expirar essa proposta de fornecimento, a quantidade de doses disponíveis mudará consideravelmente, sendo possível não garantir mais o fornecimento para o país durante os seis primeiros meses de 2021", afirmou a VEJA o mexicano Alejandro Lizarraga, diretor da área de vacinas da Pfizer Brasil.

Últimas notícias