Em Arcoverde, Justiça Eleitoral suspende diplomação do prefeito eleito, Wellington da LW

Blog de Jamildo
Blog de Jamildo
Publicado em 17/12/2020 às 12:58
Israel Rubis e Wellington da LW. Foto: Divulgação
Israel Rubis e Wellington da LW. Foto: Divulgação
Leitura:

Em decisão tomada na última terça-feira (15), o juiz eleitoral da 57ª Zona em Arcoverde, Drauternani Melo Pantaleão, suspendeu a solenidade de diplomação de Wellington da LW (MDB) como prefeito e do delegado Israel (PP) como vice, prevista para ocorrer nesta sexta-feira (18).

A suspensão da diplomação se baseou nos efeitos da sentença condenatória proferida nos autos de uma ação de investigação judicial eleitoral que cassou a chapa no dia 13 de dezembro, dois dias antes da eleição.

A ação tratou de supostas irregularidades constatadas durante a realização da carreata realizada pela Coligação União por Arcoverde, dia 1º de novembro.

A Justiça Eleitoral pediu a oficialização da decisão aos réus, Wellington e Israel, e à presidente da Câmara Municipal de Arcoverde, vereadora Célia Galindo (PSB).

Diante da decisão, nesta sexta-feira, serão diplomados apenas os dez vereadores eleitos, em solenidade virtual marcada para as 10h.

Se a decisão da Justiça Eleitoral contra Wellington da LW e o vice Israel Rubis persistir, assumirá a Prefeitura em 1º de janeiro a atual presidente da Câmara de Vereadores. Os novos parlamentares tomam posse apenas em 1º de fevereiro.

Últimas notícias