Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Após Paulo Câmara exonerar para evitar suposto nepotismo, João Campos nomeia irmão de secretário estadual para cargo comissionado no Recife

José Matheus Santos
José Matheus Santos
Publicado em 17/05/2021 às 12:59
Foto: Hélia Scheppa/Governo de Pernambuco
Foto: Hélia Scheppa/Governo de Pernambuco
Leitura:

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), nomeou para um cargo comissionado, sem necessidade concurso, Adriano Nemésio Martins, irmão do deputado estadual Claudiano Martins (PP), atual secretário de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco.

Adriano Nemésio Martins tinha sido exonerado, em fevereiro de 2021, do cargo de presidente do Instituto de Pesos e Medidas do Estado (IPEM).

LEIA TAMBÉM:

> Em ofício, Governo de Pernambuco nega antecipação da vacinação dos rodoviários contra a covid-19

> Novas restrições entram em vigor nesta terça-feira em 53 cidades de Pernambuco para comércio e demais atividades econômicas

Na época, o Blog apurou que o motivo era evitar a suposta caracterização de nepotismo no Estado, por Adriano ser irmão de um secretário estadual. Segundo uma fonte no Governo de Pernambuco sob reserva, a saída de Adriano do cargo de presidente do IPEM, cargo de confiança do governador, foi para evitar supostas acusações de nepotismo.

Agora, Adriano será gerente de Articulação e Políticas Sociais na Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura do Recife.

adriano nemesio martins nomeacao Foto: Reprodução/Diário Oficial do Município do Recife

LEIA TAMBÉM:

> Governo dá autonomia para prefeitos para avançarem na vacinação contra covid-19 de grupos prioritários em Pernambuco

> Pernambuco vai receber 282 mil novas doses de vacinas contra covid-19 até quarta-feira

> Bahia cancela festas de São João pelo segundo ano consecutivo por causa da pandemia e vai proibir transporte intermunicipal no período

Uma lei de 2007 de autoria do ex-governador Eduardo Campos proíbe que parentes de secretários estaduais ocupem cargos em comissão no Governo de Pernambuco.

“Fica vedado, no âmbito da Administração Pública Estadual, direta e indireta, o exercício de cargo em comissão ou de função gratificada, por cônjuge, companheiro ou parente, em linha reta e colateral, até o terceiro grau, inclusive, ou por afinidade, nos termos do Código Civil, do Governador, Vice-Governador, Secretários de Estado ou titulares de cargos que lhes sejam equiparados, dirigentes de autarquia, fundação instituída ou mantida pelo Poder Público, empresa pública ou sociedade de economia mista, ou titulares de cargos equivalentes”, diz a lei complementar 97, assinada por Eduardo Campos.

A posse de Claudiano Martins como secretário estadual ocorreu em 1° de fevereiro de 2021 e a exoneração de Adriano ocorreu do IPEM em 15 de fevereiro. Adriano assume agora, em maio, o novo cargo comissionado na Prefeitura.

Últimas notícias