Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

violência

Caciques da direita local vão à Brasília para evento de exaltação de armas 'pela Liberdade'

Em abril de 2021, o presidente, Jair Bolsonaro, assinou quatro decretos para facilitar o acesso dos brasileiros a armas de fogo. A flexibilização para adquirir os armamentos é uma de suas bandeiras

Jamildo Melo
Jamildo Melo
Publicado em 10/07/2021 às 11:24
Notícia
PTB/divulgação
O ato que ocorreu no Dia Mundial pelo Desarmamento foi organizado pela Associação Nacional Movimento Pró Armas (Ampa) teria como objetivo uma nova regulamentação e facilitação do uso de armas de fogo por cidadãos civis. - FOTO: PTB/divulgação
Leitura:

O deputado estadual Alberto Feitosa (PSC) viajou nesta semana que passou à Brasília para participar do II Encontro Nacional Pela Liberdade ProArmas, que aconteceu nesta sexta-feira (09) em frente à Catedral de Brasília-DF.

O maior encontro armamentista do país reuniu milhares de apoiadores de todos os estados, em "prol da liberdade do direito de defender a vida".

Com o slogan “Não é sobre Armas é sobre Liberdade” o movimento defende que não é o ato do cidadão comum ter arma, é sobre ter liberdade de escolha.

“Vamos às ruas cumprir o nosso dever cívico de lutar pelo direito de todos os brasileiros, com representantes dos 27 estados, num ato pacífico, ordeiro e liderado pelo presidente do movimento Proarmas, Marco Pollon, para mostrar ao Brasil um bom princípio de liberdade, que é dar ao homem a capacidade de se defender e defender os seus familiares” afirma Feitosa.

A concentração aconteceu na frente da catedral de Brasília e os apoiadores marcharam até o Palácio do Planalto, reunindo participantes, o representante do movimento em Pernambuco, Ênio César, o presidente do movimento Proarmas, Marcos Pollon, como clubes de atiradores.

Em abril de 2021, o presidente, Jair Bolsonaro, assinou quatro decretos para facilitar o acesso dos brasileiros a armas de fogo. A flexibilização para adquirir os armamentos é uma de suas bandeiras.

ptb/divulgação
Meira disse ter sido cumprimentado por diversos participantes do evento, de igual maneira que se encontrou com vários agentes políticos e socias, tais como os Deputados Federais Carla Zambelli e Eduardo Bolsonaro (ambos do PSL/SP), correligionários de Pernambuco, como Rodrigo Figueiredo, Fabiano Lourenço e Netinho Lapenda (presidente do PTB de São Lourenço da Mata), Charles Brasil (Movimento Brasil Democrático) e Mayra Pinheiro (Secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde) mais conhecida como Capitã Cloroquina. - ptb/divulgação

Coronel Meira marca presença no evento pró-armas, em Brasília

O segundo evento pró-armas contou com a participação de vários grupos conservadores, partidos e lideranças políticas, movimentos de direita, parlamentares, personalidades e apoiadores de todo Brasil, dentre eles, Roberto Jefferson (presidente do PTB Nacional) e o Coronel Meira (presidente do PTB/PE).

O ato que ocorreu no Dia Mundial pelo Desarmamento foi organizado pela Associação Nacional Movimento Pró Armas (Ampa) teria como objetivo uma nova regulamentação e facilitação do uso de armas de fogo por cidadãos civis.

"Todo cidadão de bem tem o direito de se defender e defender a sua família. A autorização das armas de fogo estão ali para que, na falta do Estado, o pai de família possa realizar a proteção de sua propriedade, de sua vida ou da vida de terceiros. Todos têm esse direito; na casa que tem arma legal, o bandido não vai! Por isso estamos aqui para buscar uma flexibilização na aquisição das armas de fogo", afirmou Coronel Meira.

Meira disse ter sido cumprimentado por diversos participantes do evento, de igual maneira que se encontrou com vários agentes políticos e socias, tais como os Deputados Federais Carla Zambelli e Eduardo Bolsonaro (ambos do PSL/SP), correligionários de Pernambuco, como Rodrigo Figueiredo, Fabiano Lourenço e Netinho Lapenda (presidente do PTB de São Lourenço da Mata), Charles Brasil (Movimento Brasil Democrático) e Mayra Pinheiro (Secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde) mais conhecida como Capitã Cloroquina.

ptb/divulgação
Meira disse ter encontrado vários agentes políticos e socias, tais como os Deputados Federais Carla Zambelli e Eduardo Bolsonaro (ambos do PSL/SP), e Mayra Pinheiro (Secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde) mais conhecida como Capitã Cloroquina. - FOTO:ptb/divulgação

Comentários

Últimas notícias