Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

CONTRA COVID-19

Governo de Pernambuco publica dispensa emergencial de 39 milhões de dólares para compra de 4 milhões de doses da vacina russa Sputnik V

Apesar da dispensa emergencial ter sido ratificada pela Secretaria Estadual de Saúde em 19 de março, a publicação no Diário Oficial do Estado só ocorreu nesta quinta-feira (22).

José Matheus Santos
José Matheus Santos
Publicado em 23/07/2021 às 9:25
Notícia
HEUDES RÉGIS / DIVULGAÇÃO
Segundo Paulo Câmara, as novas doses serão encaminhadas na manhã deste domingo (1º) a todos os municípios - FOTO: HEUDES RÉGIS / DIVULGAÇÃO
Leitura:

A Secretaria de Saúde de Pernambuco publicou uma dispensa emergencial de licitação para "aquisição de 4.000.000 (quatro milhões) de doses da vacina Sputnik-V, para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do covid-19".

A empresa internacional contratada é a a LIMITED LIABILITY COMPANY “HUMAN VACCINE”, segundo o ato oficial.

Segundo a dispensa, o Governo do Estado pagará pelas vacinas o valor de "USD 39.800.000,00 (trinta e nove milhões e oitocentos mil dólares)".

Apesar da dispensa emergencial ter sido ratificada pela Secretaria Estadual de Saúde em 19 de março, a publicação no Diário Oficial do Estado só ocorreu nesta quinta-feira (22).

Reprodução
A dispensa de licitação do governo de Pernambuco - Reprodução

Para ratificar a dispensa emergencial, o secretário André Longo usou como fundamento a Lei Complementar de Pernambuco 425/2020, que estabelece procedimentos especiais para compras sem licitação na covid-19 pelo Estado de Pernambuco. Essa lei de Pernambuco foi apontada como inconstitucional pela Procuradoria Geral da República em 2020. Tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) uma ação pedindo a anulação desta lei de Pernambuco.

Reprodução
A dispensa de licitação do governo de Pernambuco - FOTO:Reprodução

Comentários

Últimas notícias