Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

EM PERNAMBUCO

Assembleia Legislativa vai leiloar folha de pagamento dos servidores da Casa

Os bancos têm interesse em pagar para administrar a folha de pagamento, pois ganham com tarifas, empréstimos e juros cobrados dos servidores correntistas. A disputa entre os bancos já tem data marcada na licitação.

José Matheus Santos
José Matheus Santos
Publicado em 24/07/2021 às 8:46
Notícia
Divulgação/Alepe
O palco da Alepe vai esquentar nos próximos meses - FOTO: Divulgação/Alepe
Leitura:

A Assembleia Legislativa de Pernambuco abriu uma licitação para a gestão da folha de pagamento dos deputados e servidores.

O objetivo é contratar um banco para a "prestação de serviço de pagamento da folha de salários dos servidores ativos e proventos dos servidores inativos da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, mediante crédito a ser efetuado em conta corrente como também, pagamento da folha de salários, benefícios e gestão financeira do Fundo de Previdência Complementar da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, sem qualquer custo ou ônus para os mesmos".

Diário Oficial do Estado de Pernambuco
Publicação da Alepe - Diário Oficial do Estado de Pernambuco

Não haverá custos para a Assembleia, mas o banco vencedor da licitação terá que pagar a Assembleia, no mínimo, o valor de R$ 6.954.144,32. O pagamento previsto pode subir com a disputa entre os bancos interessados.

Os bancos têm interesse em pagar para administrar a folha de pagamento, pois ganham com tarifas, empréstimos e juros cobrados dos servidores correntistas.

A disputa entre os bancos já tem data marcada na licitação, em 4 de agosto.

O Poder Executivo de Pernambuco, através da Secretaria Estadual de Administração, também está conduzindo uma licitação para a folha de pagamento dos servidores do Poder.

Atualmente, no Executivo, os serviços são prestados pelo banco Bradesco, que administra as contas em que os servidores, aposentados e pensionistas do Estado recebem suas remunerações e proventos.

O Bradesco pagou ao Estado de Pernambuco R$ 696 milhões em novembro de 2015 pela administração da folha. Em 2018, o Bradesco pagou mais R$ 139 milhões por um aditivo de dois anos.

Comentários

Últimas notícias