Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Exclusivo

Geraldo Júlio regulamenta decreto e divulga regras de vacinação e testagem para ingresso em 'cultos ecumênicos'. Igrejas sem portaria ainda, diz assessoria

Desde que o blog revelou o primeiro decreto de Paulo Câmara, igrejas evangélicas estão pegando o governador para Cristo

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 06/10/2021 às 10:59
Notícia
Alexandre Gondim/JC Imagem
Geraldo Julio assina a regulamentação que está causando reação das igrejas evangélicas - FOTO: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Diário Oficial do Estado
Regulamentação saiu nesta quarta-feira - Diário Oficial do Estado


O secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Júlio (PSB), ainda não regulamentou o acesso a templos e cultos religiosos, com mais de 300 lugares, com vacinação completa ou testagem de covid-19 para os frequentadores. A secretaria informa que vai sair, mas não informou data.

"A portaria sobre esse tema ainda não foi finalizada", explicou a assessoria da secretaria.

A exigência constava de decreto do governador Paulo Câmara (PSB), publicado em edição extra do Diário Oficial de 27 de setembro.

A determinação para que Geraldo Júlio regulamentasse o ingresso nas igrejas já constava do texto do decreto de Paulo Câmara.

Nove dias depois, o secretário estadual e ex-prefeito do Recife publicou nesta quarta-feira uma regulamentação para cultos ecumênicos.

Pela portaria assinada por Geraldo, os cultos ecumênicos, em qualquer dia da semana, só poderão ocorrer entre 8 da manhã e 1 da madrugada. Os templos religiosos só poderão receber 2.500 pessoas ou 80% da capacidade, o que for menor.

Sobre a questão do decreto, a portaria de Geraldo Júlio foi rigorosa.

A partir de espaços com 300 lugares, o ingresso será "apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento".

Ou seja, o teste exigido terá que ter, no máximo, 24 horas de antecedência, se for rápido.

Caso o teste seja o RT-PCR, a antecedência admitida do teste será de 48 horas.

A portaria de Geraldo permitiu ainda, nos cultos ecumênicos, música "ao vivo, sem espaço para dancing e pessoas em pé, com uso obrigatório de máscara".

A Portaria Conjunta SES/SDEC 037 de 2021 foi assinada em 5 de outubro por Geraldo Júlio e pelo secretário estadual de Saúde, André Longo. "Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação", informa o Diário Oficial.

Após o decreto do governador sobre o acesso às igrejas, revelado em primeira mão pelo Blog, a questão virou uma grande polêmica nacional.

A TV Record nacional tem feito matérias quase diárias, com críticas pessoais ao governador.

O PSC, do deputado federal André Ferreira e do deputado estadual Coronel Alberto Feitosa, ingressou com ação no STF, contra o decreto. Não há decisão ainda. No plano local, o Republicanos também fez o mesmo, por meio de ação do deputado federal Osséssio.

"O ato assinado por Geraldo Júlio não informa se as policiais do Estado irão ficar na porta das igrejas e templos religiosos, fiscalizando o cumprimento da portaria, ou se a responsabilidade pela fiscalização será apenas dos sacerdotes e responsáveis pelos templos religiosos", comenta uma fonte do blog.

ALEXANDRE GONDIM / JC IMAGEM
PRIMEIRA OPÇÃO Ex-prefeito do Recife, Geraldo Julio tem dito e reiterado que não disputará o governo - FOTO:ALEXANDRE GONDIM / JC IMAGEM
Diário Oficial do Estado
Regulamentação saiu nesta quarta-feira - FOTO:Diário Oficial do Estado

Comentários

Últimas notícias