Combate ao vírus

Em São Paulo, prefeitura demite servidores que se recusaram a tomar vacina

Em Pernambuco, Assembleia Legislativa aprovou medida para exigir vacinação também, mas não se sabe de nenhum servidor demitido

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 01/11/2021 às 9:49
REPRODUÇÃO/FACEBOOK
EM EXERCÍCIO Nunes disse que foi orientado por Covas a manter agenda - FOTO: REPRODUÇÃO/FACEBOOK
Leitura:

Três servidores comissionados foram demitidos da prefeitura de São Paulo após se recusarem a tomar a vacina contra a Covid-19.

Com a negativa, os funcionários descumpriram um decreto sancionado em agosto que tornou obrigatória a imunização contra a doença de servidores e funcionários públicos municipais da administração direta e indireta.

A decisão de exonerar os servidores não vacinados foi do prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes.

Comentários

Últimas notícias