Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Resposta

OAB Pernambuco rechaça alegação de irregularidade no pleito de terça

OAB diz que colocar em dúvida o resultado das urnas sem respaldo mínimo em fatos, baseado em alegações vagas e não alicerçadas na realidade, causa grande preocupação

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 19/11/2021 às 20:47
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Fernando Ribeiro Lins, Presidente eleito da OAB-PE, é entrevistado na TV JC. - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Veja a nota oficial da OAB enviada ao Blog de Jamildo

A OAB Pernambuco rechaça qualquer alegação de irregularidade no pleito ocorrido na última terça-feira (16.11).

As eleições da OAB-PE são o momento de maior afirmação da democracia na instituição e todo esse processo, desde a construção e registro das chapas até o resultado eleitoral, é acompanhado de perto pelos candidatos e pela classe.

Para tanto, é constituída uma Comissão Eleitoral independente, composta por advogados (as) de reconhecida ética e idoneidade, que conduziram com transparência todas as questões envolvendo as eleições.

É de se destacar que o próprio candidato a presidente na chapa derrotada, ainda na noite da terça-feira (16), dia da eleição, na finalização da contagem dos votos, reconheceu o resultado, discursando para apoiadores na parte interna do Classic Hall (local da votação no Recife).

Posteriormente, divulgou um vídeo nas suas redes sociais também no mesmo sentido.

Colocar em dúvida o resultado das urnas sem respaldo mínimo em fatos, baseado em alegações vagas e não alicerçadas na realidade, causa grande preocupação e pode reproduzir tentativas de correntes político-partidárias que visam desconstruir as instituições democráticas por meio da deslegitimação do processo eleitoral, o que vem sendo fartamente combatido pela OAB também em outras esferas.

OAB Pernambuco

Comentários

Últimas notícias