ELEIÇÕES 2022

João Doria diz ter sido enganado por Jair Bolsonaro em 2018

Governador de São Paulo é pré-candidato à Presidência da República pelo PSDB

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 10/12/2021 às 11:44
MARCOS CORREA/PR
Jair Bolsonaro e João Doria formaram aliança em 2018 - FOTO: MARCOS CORREA/PR
Leitura:

Aliados próximos em 2018, João Doria (PSDB) e Jair Bolsonaro (PL) chegam para a eleição de 2022 usando um ao outro como contraponto. Em entrevista ao Programa do Bial, o Governador de São Paulo e pré-candidato à presidência diz ter sido enganado pelo presidente da República na última eleição presidencial.

"Fomos enganados e eu não cometo o mesmo erro duas vezes. Compramos um sonho e recebemos um pesadelo. Bolsonaro prometia um governo liberal, um governo com Moro defendendo a justiça, a Lava Jato, que respeitaria a lei, a ordem e a independência dos poderes e logo no início do governo ele abandonou esses princípios", disse João Doria.

Em 2018, os candidatos fizeram uma aliança chamada Bolsodória, fato do qual o governador de São Paulo se arrepende. "Ele dizia que era contra a reeleição e começou defendendo. Prometeu um governo liberal com Paulo Guedes, desestatizante e o que aconteceu? Nada. Ele fez tudo diferente do que havia prometido", disse.

João Doria venceu as prévias do PSDB, marcadas por confusões e rachas, confirmando sua pré-candidatura. Ele, porém, amarga uma baixa performance nas pesquisas de intenção de voto e já conversa com Sérgio Moro (Podemos), consolidado como principal candidato da "terceira via".

Comentários

Últimas notícias