Eleições 2022

Danilo Cabral diz que definição da situação de Clodoaldo Magalhães no PSB sai breve

Colegas foram pedir a cabeça de Clodoaldo ao presidente do PSB Nacional, Siqueira

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 29/12/2021 às 10:31
DIVULGAÇÃO
UNIDOS Quatro dos cinco deputados federais do partido levaram a queixa a Carlos Siqueira, em Brasília - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

O líder do PSB na Câmara Federal, deputado Danilo Cabral, comentou, na Rede Pernambuco de Rádios, sobre a situação do deputado Clodoaldo Magalhães no Partido Socialista Brasileiro.

Danilo assinou com outros pares, uma carta direcionada ao Diretório Nacional, apontado que Clodoaldo teria desrespeitado artigos do código de ética do PSB.

“Tanto a Direção Estadual como a Direção Nacional tem conhecimento daquilo que foi apresentado no documento [...]. Vamos aguardar. O partido em breve deve dar uma manifestação e uma definição sobre essa situação”, afirmou.

A incursão de Clodoaldo Magalhães em cidades que são redutos e bases eleitorais dos seus pares [sem diálogo ou conversas prévias] não agradou também lideranças dos partidos aliados da Frente Popular, que tem negado legenda ao primeiro secretário da Alepe.

“O que queríamos externar já está colocado no próprio documento. Vamos aguardar agora a manifestação da Direção Nacional”, disse Cabral.

Eleições 2022

Danilo repetiu ainda o mantra de que cabe ao governador Paulo Câmara a condução do processo para a escolha do sucessor ao Governo. O deputado disse que o foco da gestão de Paulo Câmara foi direcionada para a administração do Estado.

“Era muito importante que o governador tivesse foco na gestão. Que não misturasse no momento o que não deveria ser misturado o tema da política com o tema da gestão. Nós representamos um projeto político que tem o PSB comandando. Agora é natural que ele [Paulo Câmara] escute não só o PSB, mas também os outros partidos da Frente Popular”, afirmou.

Comentários

Últimas notícias