Caneladas

'Bolsonaro não é digno da Presidência' critica Sergio Moro

No livro que escreveu, Moro chama Bolsonaro de traidor do combate à corrupção

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 10/01/2022 às 16:34
EDUARDO MATYSIAK / AFP
Moro tem declarado publicamente que considera o procedimento no TCU 'abusivo'. - FOTO: EDUARDO MATYSIAK / AFP
Leitura:

Neste começo de semana, Bolsonaro disse que Moro achava, no governo, que o Ministério da Justiça era propriedade dele. O candidato do Podemos não gostou da crítica e revidou, pelas redes sociais.

"Assim como Lula, Bolsonaro mente. Nada do que ele fala deve ser levado a sério. Mentiu que era a favor da Lava Jato, mentiu que era contra o Centrão, mentiu sobre vacinas, mentiu sobre a Anvisa e o Barra Torres e agora mente sobre mim. Não é digno da Presidência", afirmou, com apoio do movimento Vem Pra Rua.

Nos sites dos bolsonaristas, o ex-magistrado e ministro é chamado de traidor, na maioria das vezes de forma jocosa.

Comentários

Últimas notícias