Combate ao vírus

Paulo Câmara nomeia 290 concursados para a Saúde

A listagem completa estará disponível no Diário Oficial desta terça (18)

Jamildo Melo
Cadastrado por
Jamildo Melo
Publicado em 18/01/2022 às 10:13 | Atualizado em 18/01/2022 às 10:16
BRUNO CAMPOS / JC IMAGEM
Entrevista com o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara. - FOTO: BRUNO CAMPOS / JC IMAGEM
Leitura:

O governador Paulo Câmara informou que autorizou mais um chamamento de aprovados em concurso público para a Secretaria Estadual de Saúde (SES).

Ao todo, são 290 profissionais convocados para ampliar a força de trabalho da pasta, sendo 101 médicos, 56 profissionais de nível superior (analistas em saúde) e 128 de nível médio (assistentes em saúde), além de cinco fiscais de vigilância sanitária.

"Com essa nomeação, estamos atingindo a marca de quatro mil concursados chamados pela secretaria desde o início da pandemia. Eles representam um reforço, ampliando o quadro de pessoal, qualificando e recompondo as escalas de plantão dos hospitais e de diversas áreas técnicas da pasta", afirmou Paulo Câmara.

Os convocados irão atuar em áreas técnicas da sede do órgão, das Gerências Regionais de Saúde (Geres), Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-PE) e da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), além dos hospitais Jaboatão Prazares, em Jaboatão dos Guararapes; Correia Picanço, Geral de Areias, Ulysses Pernambucano, da Restauração, Barão de Lucena, Agamenon Magalhães, Getúlio Vargas e Otávio de Freitas, no Recife; José Fernandes Salsa, em Limoeiro; Inácio de Sá, em Salgueiro; Professor Agamenon Magalhães, em Serra Talhada; Belarmino Correia, em Goiana.

A listagem completa estará disponível no Diário Oficial desta terça (18).

Os profissionais terão prazo de cinco dias úteis para tomar posse e dois dias úteis depois de empossados para se apresentar no local de exercício funcional indicado pela SES.

“Temos feito o maior esforço de recursos humanos, insumos e de mobilização de leitos da história da saúde pública pernambucana para lidar com a pandemia da Covid-19. Contaremos com mais esse auxílio para seguir avançando e salvando vidas”, detalhou André Longo

Comentários

Últimas notícias