07
out

O pôr do sol na Cachoeira do Riachinho

07 / out
Publicado por Leonardo Vasconcelos às 7:57

Cachoeira do Riachinho

 

A visita à Cachoeira do Riachinho, no Vale do Capão, na Chapada Diamantina, aparece muitas vezes como um “combo” com a Cachoeira da Fumaça por serem muito próximas. No entanto, ela não é um mero “plus” e vale muito a pena se conhecer independentemente da outra que geralmente vem antes. A do Riachinho é apenas um brinde, mas no passeio combinado é de uma importância ímpar para brindar os visitantes com um refrescante banho.

 

Leia mais: 

Vinte coisas que não podem faltar na mochila para a Chapada Diamantina

Cachoeira da Fumaça, a segunda maior do Brasil

Os deslumbrantes poços da Chapada Diamantina: Poço Encantado e Azul

Cachoeira do Buracão: Beleza no aumentativo na Chapada Diamantina

Encarando a Estrada da Morte

 

Cachoeira do Riachinho

 

Explico: É que nos 12 cansativos quilômetros da trilha da Cachoeira da Fumaça por cima não há parada para se banhar. Ou seja depois de uma exaustiva subida e descida nada melhor do que encontrar uma cachoeira em que se pode tomar um banho para amenizar o calor e relaxar um pouco. A cachoeira do Riachinho é de fácil acesso e não precisa gastar muita energia (que já está em falta depois da Fumaça) para se chegar nela.

 

Cachoeira do Riachinho

 

Depois de uma curta e simples descida se chega no grande poço de água. O cansaço é tão grande que nem se liga para a temperatura fria dela. Pelo contrário, o frio ajuda a relaxar ainda mais os músculos bastante exigidos. Depois de descansar e recobrar as energias vale ir até o paredão e ficar debaixo da queda d’água. Aí depois é so sentar em uma pedra e curtir o lindo pôr do sol do Vale do Capão.

 

 

REDES SOCIAIS:

 

 

*Acompanhe o @blogmochileo também pelo Instagram, Twitter, Facebook e Youtube.


Veja também