31
out

Memória: Lampard e o gol antológico no Camp Nou

31 / out
Publicado por Marcos Leandro às 16:53

Reprodução: Twitter
Reprodução: Twitter

 

POR FELIPE HOLANDA

 

Após se enfrentarem em 2005, Barcelona e Chelsea caíram na mesma chave e reeditaram o duelo na temporada 2006/2007 da Champions League, diante de 98 mil pessoas no estádio Camp Nou, há exatos dez anos. Naquele ano, ingleses e espanhóis se classificaram, respectivamente, com as duas primeiras posições do Grupo A, ao lado de Werder Bremen-ALE e Levski Sofia-BUL.

No jogo de ida, na Inglaterra, os blues levaram a melhor. Venceram por 1×0, com um golaço de Didier Drogba, que driblou o defensor e bateu firme, no ângulo de Valdés. Porém, o grande destaque da vitória foi o goleiro Hilário que, com grandes intervenções, parou o poderoso ataque do Barça. O time catalão defendia o título da liga naquela temporada.

O duelo de volta reservava grandes emoções. No dia 31 de outubro de 2006, um dos maiores jogos daquela edição da Champions presenteou a torcida. Logo no início, o Barcelona abriu o placar com Deco, velho conhecido de José Mourinho, então treinador do time londrino.

 

 

 

No entanto, a “cereja do bolo” veio aos sete minutos de bola rolando no segundo tempo. Frank Lampard aproveitou o rebote à esquerda e, mesmo sem ângulo, encobriu o goleiro Valdés para marcar um belo gol – um dos mais emblemáticos de sua carreira. Gudjohnsen (Barça) e Drogba (Chelsea) fecharam o placar.

Na fase final, a equipe azul grená foi eliminada pelo Liverpool, finalista daquela edição, já nas oitavas de final. Os blues chegaram mais longe. Todavia, foram eliminados pelo mesmo Liverpool, nas semifinais, após dois jogos épicos entre os rivais.

publicidade


Veja também