31
ago

Os oito sobreviventes na Libertadores

31 / ago
Publicado por Marcos Leandro às 0:04

Foto: Nelson ALMEIDA / AFP

 

Três brasileiros, quatro argentinos e um chileno. Esta é a distribuição das quartas de final da Libertadores. Nesta quinta (30/8), Palmeiras e Boca Juniors garantiram as últimas duas vagas. O Verdão eliminou o Cerro Porteño, do Paraguai, no Allianz Parque, em São Paulo, mesmo perdendo por 1×0 – ganhou na ida por 2×0. O detalhe foi a expulsão do volante Felipe Melo antes dos cinco minutos de jogo. Na próxima etapa, os palmeirenses vão jogar contra o chileno Colo Colo, que despachou o Corinthians.

Já o Boca Juniors foi até Assunção, no Paraguai, e venceu o Libertad por 4×2 – já tinha derrotado o adversário por 2×0 na Bombonera, em Buenos Aires-ARG, no jogo de ida. Hoje, o time paraguaio até assustou, abrindo o placar logo aos 11 minutos com o veterano atacante Oscar Cardozo. Mas logo os xeneizes viraram, com gols de Pavón e Zarate. Cardozo empatou ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Tevez e Cardona, de pênalti, decretaram a tranquila classificação do Boca. Nas quartas de final, o Boca Juniors vai encarar o Cruzeiro, que na última quarta desclassificou o Flamengo.

 

 

 

OUTROS JOGOS

O terceiro brasileiro nas quartas de final é o Grêmio. O atual campeão da Libertadores vai encarar o Atlético Tucumán, da Argentina. Os gremistas eliminaram o Estudiantes na terça, nos pênaltis, após conseguirem um gol salvador aos 47 do segundo tempo. No mesmo dia, o Tucumán surpreendeu e tirou o favorito Atlético Nacional de Medellín, campeão em 2016, na Colômbia.

 

 

O outro duelo será entre argentinos: River Plate x Independiente. O River eliminou na fase anterior o Racing, também da Argentina. Já o Independiente passou pelo Santos, em um duelo repleto de confusão por conta da punição do santista Sanchéz em julgamento da Conmebol.

 

publicidade


Veja também