06
set

Liga das Nações começa com um 0x0 entre Alemanha e França

06 / set
Publicado por Marcos Leandro às 17:45

 

A nova competição da Uefa, a Liga das Nações, começou nesta quinta (6/9) com um sentimento de frustração. Isso porque a rede não balançou. Duas últimas campeãs mundiais, Alemanha e França ficaram no empate por 0x0 na Allianz Arena, em Munique.

A França entrou em campo praticamente com o mesmo time que ganhou a Copa do Mundo da Rússia, exceto no gol, com a entrada de Areola no lugar de Loris. Na Alemanha, até pelo fracasso no Mundial, mais mudanças e experiências. Uma delas, Kimmich como volante, Ginter na lateral direita e Rudiger na lateral esquerda. Mas também manteve uma base, com Boateng e Hummels na zaga, Kroos na armação, Muller e Werner no ataque.

 

 

O JOGO

Por Estadão Conteúdo

As chances foram escassas e o placar representou bem o que aconteceu em campo. Talvez ainda com a última Copa na cabeça, Alemanha e França decepcionaram neste primeiro teste após o Mundial. Precisando mais da vitória para mostrar serviço ao torcedor após a surpreendente queda na primeira fase na Rússia, os alemães ainda tentaram nos minutos finais e pressionaram, mas pararam em dia inspirado do goleiro Areola.

Em sua estreia com a camisa do país, não decepcionou e garantiu o empate. Com o resultado, franceses e alemães somam um ponto no Grupo 1 da Liga A, que conta ainda com Holanda, adversária da França no domingo (9/9), em Paris. No mesmo dia, a Alemanha recebe o Peru em amistoso na cidade de Sinsheim.

O começo do clássico foi pegado, com muitas faltas duras e pouca inspiração. O primeiro bom momento foi da Alemanha, em cobrança de escanteio que Hummels jogou para fora. No minutos seguinte, Giroud finalizou de cabeça após cruzamento de Mbappé e parou em Neuer. O mesmo Giroud ainda tentou de letra após outra boa jogada de Mbappé nos acréscimos, mas foi só no primeiro tempo.

 

Foto: Odd ANDERSEN / AFP

 

Na volta do intervalo, Griezmann arriscou de fora da área logo aos quatro minutos, mas o goleiro alemão voltou a intervir bem. Aos 18, em novo confronto entre eles, Neuer voltou a parar Griezmann. A partir daí, só deu Alemanha. Talvez pela maior necessidade de vencer, os donos da casa se lançaram ao ataque e deram alguma emoção à partida. Reus tentou de fora da área e Areola voou para espalmar.

Mas a melhor jogada da partida aconteceu aos 26. Reus puxou contra-ataque e tocou para Hummels, que deu lançamento perfeito para Thomas Müller. A finalização do atacante foi travada e a sobra ficou com o próprio zagueiro, que encheu o pé de primeira. Areola fez grande defesa. O goleiro ainda coroou sua grande atuação com duas defesas na sequência aos 29. Thomas Müller tentou cruzamento da esquerda e a bola ia direto para o gol, mas Areola se recuperou para espalmar. Na cobrança de escanteio, Ginter subiu sozinho e testou firme. O jogador do PSG defendeu no reflexo e garantiu o empate.

publicidade


Veja também