Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Presidente do Santa Cruz vê equilíbrio na disputa da Copa do Nordeste

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 30/09/2019 às 10:41
Foto: Luisi Marques/ JC Imagem.
Foto: Luisi Marques/ JC Imagem.
Leitura:

Ainda no processo de estruturação para a temporada que vem, buscando executivo de futebol, técnico e resolvendo outras demandas internas, o Santa Cruz coloca como uma das principais metas ter uma boa participação na Copa do Nordeste. Competição da qual o Tricolor se sagrou campeão em 2016, a possibilidade de conquistar o bicampeonato ainda é tratada com cautela, mas almejada pela direção. 

Enfrentando diretamente apenas um clássico na primeira fase - contra o Sport, que ficou no Grupo A, enquanto o Santa está no B -, ainda encara, indiretamente, uma disputa com o Náutico pela classificação na sua chave. Além do Leão, a Cobra Coral enfrentará Bahia, Fortaleza, CRB, ABC, Botafogo-PB, River-PI e Frei Paulistano-SE. Na avaliação do presidente tricolor, Constantino Júnior, equilíbrio é a palavra-chave para o que o clube enfrentará no torneio regional.

LEIA MAIS

>> Ex-presidente do Santa Cruz quebra silêncio: “Minha nota está entre 6 e 7”

>> Santa Cruz projeta novo mascote para o ano de 2020

>> FPF confirma estreia da Copa Pernambuco e Santa Cruz abre torneio

“A gente sabe que, nessa formatação de sorteio, quando cai uma equipe grande de um estado, o outro cai para o outro lado. Pernambuco é uma exceção, porque tem três grandes. O Santa Cruz vai estar concorrendo a uma vaga com o Náutico, e ao mesmo tempo vai jogar um clássico contra o Sport, então equilíbrio é a palavra da competição. São quatro jogos em casa e quatro fora, é saber tirar proveito do mando de campo e saber jogar fora. É uma competição importante”, avaliou Tininho, como é conhecido o mandatário.

Outro ponto que pode fazer a diferença para o Santa Cruz diante de adversários melhores qualificados tecnicamente é a parte física. Por começar a pré-temporada antes dos demais clubes, deve chegar nos primeiros meses do ano com um bom preparo físico, precisando compensar depois com o entrosamento. Este é um ponto que, na visão de Tininho, o Mais Querido tem que tirar proveito.

“No começo do ano a gente tem que estar bem preparado fisicamente, para chegar na fase final. Os clubes que vem em uma série superior demoram mais a voltar, então o clube tem que tirar proveito disso. A gente vai entrosando durante a competição. Um clube de tradição como o Santa Cruz, de grandeza, começando bem, com certeza a torcida vai ajudar e empurrar. Vejo como positivo o sorteio dos grupos e vamos trabalhar muito para ver o Santa avançando de fase, para a gente correr em busca do bicampeonato do Nordeste”, finalizou.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SANTA CRUZ

Últimas notícias