Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Torcida do Santa Cruz relembra título de 2016 da Copa do Nordeste e deseja o bicampeonato

Marcos Leandro
Marcos Leandro
Publicado em 25/01/2020 às 11:39
Santa Cruz receberá o Bahia neste sábado, na estreia da Copa do Nordeste. Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Santa Cruz receberá o Bahia neste sábado, na estreia da Copa do Nordeste. Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Leitura:

O TV Jornal Meio-Dia fez uma série de reportagens sobre a expectativa dos torcedores para o início da Copa do Nordeste.  Os alvirrubros, que nunca viram o Timbu levantar a orelhuda do Nordestão, estão com fome desse título. Os rubro-negros já têm três taças, e vão em busca do tetracampeonato. Já o Santa Cruz, que vai com tudo atrás do bicampeonato da Copa do Nordeste.

“Se for tricolor, é bem vindo”. Dessa forma, Adelson Martins, de 69 anos, recebe a equipe da TV Jornal para sua casa no Ibura, Zona Sul do Recife. Torcedor coral desde os nove anos, Adelson passou sua paixão para as próximas gerações. “Meu filho com dois anos de idade, eu levava no braço. Depois foram nascendo minhas outras filhas, e eu lavava também!”, exaltou. 

 

 

No dia 1º de maio de 2016, essa família exaltou ainda mais a sua paixão. Filhos de Adelson, os torcedores Adriano e Adla Martins montaram uma caravana para ir até Campina Grande, Paraíba. “Saiu dois carros daqui. Foi uma festa no caminho, encontrando torcida em posto de gasolina, em parada para beber água e lanchar. Todo mundo se divertiu com a esperança de chegar lá e trazer o título para casa”, contou Adriano.

O Santa Cruz já havia vencido o time do Campinense em casa, pelo placar de 2x1. Em Campina Grande, jogava pelo empate. Em jogo dramático, a cobra coral levou o primeiro gol, mas conseguiu o empate logo depois, para finalmente levantar sua primeira taça do Nordestão. “Quando o Santa Cruz fez o gol… pense numa alegria! Aí a gente esqueceu tudo, foi um dia maravilhoso. Eu guardo esta camisa até hoje”, exaltou Adla, que vestia uma camisa comemorativa da Copa do Nordeste do Santa Cruz.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SANTA CRUZ

Últimas notícias