Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Adryelson fala sobre família, treinos, isolamento e prevenção ao coronavírus

Karoline Albuquerque
Karoline Albuquerque
Publicado em 11/04/2020 às 8:49
Zagueiro Adryelson valorizou o ponto somado fora de casa. Foto: Anderson Stvens/Sport
Zagueiro Adryelson valorizou o ponto somado fora de casa. Foto: Anderson Stvens/Sport
Leitura:

Entre os jogadores de futebol, ou entre qualquer pessoa de fato cumprindo o distanciamento social, não há outro assunto: o que fazer durante a "quarentena" que visa reduzir a propagação do novo coronavírus. E o consenso, entre os atletas é basicamente o mesmo. Aproveitar o tempo para ficar com a família é a tônica também para o zagueiro do Sport Adryelson.

Apesar de tudo que a pandemia da covid-19 obriga a população a enfrentar, o atleta rubo-negro destaca que o aperto do calendário do clube neste início de ano não dava tempo para dedicar atenção aos seus familiares. "Eu fico mais com a família. A correria estava grande. Jogo atrás de jogo, viagem atrás de viagem. Nessa paralisação tenho ficado em casa com a família", disse o jogador.

LEIA MAIS:

>Rubro-Negro, na sua opinião, quais os jogos mais frustrantes do Sport nos últimos 20 anos?

>Sport anuncia três meses de gratuidade no plano de sócios

>Sport vai reprisar primeiro jogo da final da Copa do Nordeste de 2014

O último jogo do Sport antes da suspensão das competições foi no dia 15 de março, diante do Ceará, na Arena Castelão. A partida valia pela 7ª e penúltima rodada da primeira fase da Copa do Nordeste 2020 e o Vôzão triunfou por 2x1. A saudade de entrar em campo também aperta.

"Tem a ansiedade para voltar a jogar, ansiedade de chutar a bola, tocar, marcar, estar com os companheiros, falar sobre jogo. Matar a saudade disso. Espero que tudo se normalize logo para que a gente possa voltar nossas competições. Espero que isso acabe logo", emendou Adryelson.

Já que ainda ão há previsão para um retorno da "vida normal", o zagueiro do Sport mantém a forma física em casa. Não é o mesmo que as atividades no centro de treinamento do clube, mas ele tem uma personal trainer especial para ajudar com isso durante o distanciamento social.

"Claro que a gente tem uma perda sem os treinos, porque é diferente o treino em casa. No clube tem equipamento, profissionais por perto para tirar qualquer dúvida. Mas em casa dá para fazer um treino bacana, porque minha esposa é professora de educação física, ela ajuda", destacou.

E enquanto realiza suas atividades no distanciamento e aprecia a família, o atleta criado na base rubro-negra destaca a importância de ficar em casa durante a pandemia. Adryelson relembra: a paralisação do futebol é o meio da área lutar junto com a população contra o novo coronavírus. "Temos que respeitar as normas que os profissionais da saúde passam para nós", completou.

Últimas notícias