Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Técnico do Náutico não garante volta aos treinos na próxima semana

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 06/05/2020 às 8:13
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

A pandemia do novo coronavírus ainda mantém os clubes de Pernambuco sem treinos neste momento. O Náutico, por exemplo, adiou o retorno, antes programado para o dia 1 de maio, para o dia 11. Isso após já ter dado férias ao elenco e comissão técnica. Contudo, sem um cenário de melhora aparente, existe a possibilidade de que a reapresentação seja prorrogada outra vez. De acordo com o técnico Gilmar Dal Pozzo, esta decisão deve ser dada, no máximo, até a próxima sexta-feira (8).

LEIA MAIS

>> Náutico homenageia técnico Roberto Fernandes, que faz aniversário nesta terça

>> “O foco é receber em dinheiro”, disse vice-presidente do Náutico sobre negociação com Flamengo

>> Náutico espera receitas para quitar direito de imagem do elenco

>> Copa do Nordeste arrecada 16 toneladas de alimentos que serão doados para famílias carentes

"Está marcada para o dia 11, mas vai depender muito do cenário que vai acontecer nesta semana. Estamos acompanhando diariamente e acho que, quinta ou sexta-feira, vamos dizer se vai ser no dia 11 (a volta aos treinos) ou adiaremos mais uma semana. Vai depender muito do Ministério da Saúde", comentou o comandante alvirrubro, em live no Instagram com o repórter João Victor Amorim, da Rádio Jornal.

Uma nova mudança na data de retorno também mexerá com os planos da preparação física do Náutico. Aumentando o tempo de paralisação, consequentemente o período necessário para que o plantel recupere a forma também será maior. Além de também existir outro fator que mexerá nesta quantidade de dias, que é o novo calendário das competições. Mesmo com tantas variáveis, o treinador garantiu que a comissão técnica vem trabalhando dentro de vários cenários possíveis.

"Os atletas estão treinando nas suas casas, estão sendo monitorados pelos preparadores físicos e estamos fazendo um planejamento imaginando 10 dias, 15 dias ou 20 dias de trabalho. É uma comissão técnica muito experiente, que vai se adaptar ao protocolo e essa preparação vai ser muito boa para a gente passar para os atletas e achar solução neste momento", finalizou.

Últimas notícias