Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Ex-presidente do Sport, Gustavo Dubeux explica como Leão pode superar crise pós-pandemia

Gabriela Máxima
Gabriela Máxima
Publicado em 27/05/2020 às 11:51
Dubeux é ex-presidente do Sport. Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Dubeux é ex-presidente do Sport. Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Leitura:

Ex-presidente do Sport e empresário, Gustavo Dubeux falou que a pandemia do novo coronavírus surpreendeu a todos e vem intensificando crises em todo o mundo. Não acontece de forma diferente no clube rubro-negro, que acumula uma das piores crises financeiras dos últimos tempos. Com experiência em gestão de empresas e das burocracias da Ilha do Retiro, Dubeux falou em entrevista ao programa Bate Rebate, da Rádio Jornal, que há maneiras de enfrentar os desafios e superar a crise depois que a pandemia for controlada.

>> Jornal italiano coloca Adryelson, zagueiro do Sport, na mira da Lazio 

>> Messi revela que recomeço do futebol pós-pandemia será "estranho"

Dubeux elencou algumas formas de gerar receita. "Nós estamos vivendo uma situação atípica. A pandemia ninguém esperava isso como estamos vivendo, mas de qualquer forma vamos pensar positivo e sair dessa situação e que a vida vai continuar. E que o clube de futebol é importante na vida das pessoas. Então, como toda empresa é muito difícil. Você não sabe como vai ser o cenário pós-pandemia, mas de qualquer maneira, as atividades vão permanecer. E inicialmente para sair de qualquer crise tem que gastar menos do que você arrecada. Todo mundo sabe", comentou o ex-dirigente, que completou.

"Em um clube de futebol tem aquelas receitas que você tem que ir atrás delas. Porque contenção de despesas você pode fazer diminuindo e as receitas são as recorrentes do futebol que a gente não sabe como vai voltar. Tem as receitas de televisionamento, publicidade, de associados. Tem que ir atrás também de patrocinadores, usar o network daquelas pessoas que estão no clube, que são pessoas que têm bom network para trazer as empresas para ajudar o clube e tem também as receitas não recorrentes que são as parcerias, que é você atrair investidores para ter um investimento no clube em alguma atividade pontual", falou Dubeux.

 

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Últimas notícias