Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Bryan pode ser 'surpresa' na escalação do Náutico na vaga de Jean Carlos

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 17/07/2020 às 15:25
Bryan é lateral-direito de origem, mas vem treinando bem pelo meio-campo. Foto: Caio Falcão/CNC
Bryan é lateral-direito de origem, mas vem treinando bem pelo meio-campo. Foto: Caio Falcão/CNC
Leitura:

O Náutico tem dois desafios pela frente, no Campeonato Pernambucano e Copa do Nordeste, e não poderá contar com o seu principal jogador, o meia Jean Carlos. Entre os principais substitutos, três atletas que originalmente atuam na posição foram apontados. Porém, o técnico do Náutico, Gilmar Dal Pozzo, revelou uma quarta opção que vem treinando no meio de campo e tem agradado bastante. O lateral-direito Bryan. Ele, que também atua como ponta, vem treinando há algumas semanas mais centralizado e tem recebido elogios do treinador. Ou seja, vem forte para disputar a vaga deixada pelo camisa 10.

LEIA MAIS

>> Presidente do Bahia oferece apoio ao Náutico em Salvador durante Copa do Nordeste

>> Na Live do Torcedor, Kuki projeta trabalho nas categorias de base do Náutico

>> “Acreditamos na força do elenco”, diz vice-presidente do Náutico

"A gente testou naquele setor um pouco mais centralizado e no lado de campo também. Ele topou o desafio e tem treinando muito bem, principalmente na faixa central. Eu estou muito seguro em cima do desempenho do Bryan. Ele está muito confiante porque ele treinou várias vezes naquele setor do meio-campo. O atleta quando está confiante passa isso para o restante da equipe e ao técnico também. É uma possibilidade", ponderou o comandante.

Satisfeito com a preparação

Dal Pozzo também comentou que tem gostado do que o elenco apresentou neste período de treinos. Além da mudança tática da equipe, adotando o 4-1-4-1 como esquema, com alterações nas funções de alguns atletas, ele e a comissão técnica esperam que todas as ideias trabalhadas em pouco mais de um mês gerem a resposta esperada nas duas decisões que vêm pela frente.

"Estamos falando na parte teórica até então. A recepção dos atletas foi muito boa e agora é a hora da execução. Aí que vamos ter essa resposta. Mas adianto que estou muito satisfeito por tudo que está acontecendo. O jogo envolve muitas variáveis, a questão mental, a necessidade do resultado e o nível de tolerância que vamos ter num reinício de competição que não vai sair 100%, mas a gente está se preparando muito bem e estamos tendo confiança para executar esse modelo me garante que a gente vai ter um resultado positivo", concluiu.

Últimas notícias