Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Chiquinho revela cobrança de Schulle para atletas do Santa Cruz finalizarem com "perna contrária"

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 30/08/2020 às 12:38
Chiquinho tem se destacado no Santa Cruz. Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Chiquinho tem se destacado no Santa Cruz. Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Leitura:

Dominei com a perna esquerda, a boa, e finalizou com a direita para sacramentar a vitória do Santa Cruz em cima do Imperatriz neste sábado. Foi assim que o meia Chiquinho marcou o segundo gol dele com a camisa coral. Segundo o jogador, o treinador Itamar Schulle exige bastante para os atletas usarem a "perna contrária" na hora das finalizações.

"Itamar (Schulle, técnico) cobra muito isso da gente: chutar com a perna contrária. Dominei com a canhota e chutei com a direita hoje (sábado). Agradeço ao Paulinho também que é um cara que sempre me cobra bastante em campo, por isso fui abraçar ele na comemoração", afirmou o jogador.

LEIA MAIS

> “Fizemos um jogo bastante consistente”, afirma técnico do Santa Cruz

> Veja os gols da vitória do Santa Cruz por 2×0 sobre o Imperatriz-MA

> Santa Cruz vence a terceira seguida e embala na Série C do Brasileiro

> Confira lance a lance da vitória do Santa Cruz em cima do Imperatriz

Para não perder o embalo, Chiquinho já focou no próximo jogo do Santa Cruz na Série C do Campeonato Brasileiro: o Vila Nova-GO fora de casa. Na visão do meia, o elenco coral não pode perder o empenho nos treinos, e, claro, nas partidas para ficar sempre entre os quatro primeiros do Grupo A na zona de classificação.

"Temos uma semana para trabalhar. Sabemos que a viagem é desgastante, a qualidade do Vila Nova, mas vamos focar sempre na vitória para nos mantermos na ponta da tabela", comentou.

O meia do Santa Cruz ainda admitiu que a liderança com três vitórias e um empate torna um Tricolor do Arruda o protagonista da competição. "Mais do que nunca os adversários vão querer nos derrotar. Sabemos desse fato, só que estamos conscientes do que precisamos fazer em campo", pontuou.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SANTA CRUZ

Últimas notícias