Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Desfalques de atletas punidos diminuem opções do técnico para montar time do Náutico

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 09/09/2020 às 8:01
Técnico deixa o Timbu com aproveitamento de apenas 33,3%. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Técnico deixa o Timbu com aproveitamento de apenas 33,3%. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

Anunciada nessa terça-feira (8) pelo Náutico, as sanções aplicadas pela direção aos quatro jogadores flagrados em show e festa privada no fim de semana trarão impacto direto para o técnico Gilson Kleina na montagem da equipe que vai enfrentar o Botafogo-SP, pela nona rodada da Série B, no próximo sábado (12), nos Aflitos. Isso porque os atletas punidos eram considerados peças importantes do elenco. Não contar com nomes como os zagueiros Camutanga e Diego Silva, assim como os atacantes Thiago e Kieza, trará impactos para a equipe que ainda busca sequência na luta pelo acesso. O quarteto vai treinar em separado no Timbu por sete a dez dias até realizar novos testes para a covid-19. Além disso, sofreram punições administrativas, que não foram reveladas.

LEIA MAIS

>> Náutico x Paysandu, jogo do acesso alvirrubro faz um ano nesta terça-feira (8)

>> Executivo do Náutico sobre reforços: “Temos monitorado muita coisa no mercado”

>> Flagrados em festa, jogadores do Náutico são isolados e estão vetados do jogo contra o Botafogo-SP

>> Santa Cruz, Sport e Náutico vão se reunir com Bolsonaro na próxima quarta-feira; confira pauta do encontro

>> Náutico inicia semana de olho em recuperação na Série B diante do Botafogo-SP

Na defesa, Camutanga vem sendo o melhor zagueiro do Náutico. Retornou bem, na primeira rodada da Série B, após mais de 11 meses parado por conta da lesão sofrida no joelho em 2019 e se estabeleceu como titular. Sem ele, as opções para o setor são Fernando Lombardi, Carlão e Rafael Ribeiro - caso se recupere a tempo de lesão sofrida na coxa. Se este último não estiver disponível, o Timbu usará uma dupla inédita na temporada, com o zagueiro mais velho e o mais novo do elenco. Lombardi tem 38 anos e Carlão 19. Diego Silva ainda vem se recuperando de cirurgia no joelho e deve voltar a ficar à disposição ainda neste mês.

No ataque, os desfalques têm um peso maior por conta do status que possuem na equipe, de grandes contratações. Porém, em números, Thiago e Kieza ainda não corresponderam às expectativas criadas em torno deles. O primeiro marcou um gol em dez partidas, enquanto o K9 balançou as redes quatro vezes em 12 duelos. Apesar de não ter sido titular ainda com Kleina, o ponta entrou em todas as partidas desde que o treinador chegou. Kieza se recupera de lesão e voltaria a treinar nesta semana. Ainda não chegou a jogar com o atual comandante, mas é tratado como uma peça importante no planejamento. Assim, na ponta, Erick segue como opção naquele lado, enquanto que, como centroavante, Salatiel vem participando na posição tendo a sombra de Guillermo Paiva.

REUNIÃO

A direção alvirrubra tratou de conversar com o elenco para expor a decisão sobre a situação e pontuar que uma linha precisa ser seguida. "Não é preciso uma regra para ter bom senso. É preciso ter humanidade. Conversamos com o elenco, com os funcionários e todos que fazem o Náutico como futebol. E eles entenderam os pontos abordados, porque o Náutico tem comando e a gente está preparado para seguir fazendo esse clube crescer da forma que ele vem crescendo nos últimos anos", disse o executivo de futebol Ítalo Rodrigues.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O NÁUTICO

Últimas notícias