Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Mesmo com adversário em má fase, Náutico não espera jogo fácil nos Aflitos

Klisman Gama
Klisman Gama
Publicado em 09/09/2020 às 20:18
Foto: Tiago Caldas/Náutico
Foto: Tiago Caldas/Náutico
Leitura:

No próximo sábado (12), o Náutico tem a chance de voltar a vencer na Série B e manter a evolução que vinha apresentando. Para isso, precisa bater o Botafogo-SP nos Aflitos. A equipe paulista vem de quatro jogos sem vencer na competição, sendo dois empates e duas derrotas. O momento da equipe paulista é ruim, com um ataque pouco eficaz , apenas cinco gols em oito jogos disputados, mas tem uma defesa melhor encaixada, com apenas seis tentos sofridos. Mesmo com a má fase da Pantera, o elenco alvirrubro não espera jogo fácil dentro de casa. Porém, quer se impor para garantir os três pontos.

"A gente sabe que nenhum jogo é fácil nessa Série B, todos os adversários são difíceis, independente da colocação. Contra o Botafogo-SP não vai ser diferente. Nós sabemos que mesmo na posição em que eles estão e sem vencer há quatro jogos tem jogadores de qualidade, então sabemos que vai ser difícil, mas temos que imprimir nosso ritmo. Ir para cima do adversário, explorar os pontos que estamos estudando bem deles para que, dentro da nossa casa, possamos conseguir mais uma vitória", ponderou o lateral-esquerdo Wilian Simões.

LEIA MAIS

>> Náutico pode ter mais zagueiros à disposição para encarar Botafogo-SP

>> Bolsonaro sinaliza apoio ao pleito de Náutico, Santa e Sport de transformar MP 984 em projeito de Lei

>> Podcast debate troca de treinadores no Santa Cruz e Náutico prejudicado por irresponsabilidade de jogadores

>> Náutico e Santa Cruz presenteiam Jair Bolsonaro com camisas dos clubes

Depois da derrota por 2x1 para o Brasil de Pelotas no último sábado, o Timbu quer reverter a situação e mostrar que foi uma quebra momentânea na ascensão da equipe. Por isso, diante do Tricolor de Ribeirão Preto, a meta é seguir impondo o ritmo forte e intenso no jogo. Assumindo sempre o protagonismo cobrado por Gilson Kleina nas partidas do Náutico.

"Viemos de uma sequência de duas vitórias seguidas e que vínhamos evoluindo. E agora com essa derrota, vamos acertar alguns erros para que possamos voltar a vencer de novo já agora contra o Botafogo-SP na nossa casa. Mesmo sabendo que vai ser um jogo muito difícil, porque a equipe deles vai vir aqui e não vai facilitar para a gente, mas estamos em nossa casa e vamos imprimir nosso ritmo como viemos nos jogos passados. A gente vem forte e preparado para conseguir nossa vitória dentro de casa", encerrou Simões.

Em seu elenco, os paulistas contam com dois atletas com passagem pelo Náutico. Tratam-se do volante Elicarlos, de 35 anos, e do centroavante Wellington Tanque, com 32.  O primeiro tem duas passagens pelo Alvirrubro, a primeira entre 2006 e 2008, e a segunda entre 2011 e 2016 - com um empréstimo para a Chapecoense em 2015. O atacante jogou no Timbu em 2008, ainda no início de carreira, e depois de uma boa temporada, acabou vendido ao Hoffenheim-ALE, com o Timbu embolsando, na época, R$ 1 milhão em relação ao percentual que tinha direito do jogador.

Últimas notícias