Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Leeds é eliminado da FA Cup pelo Crawley, da 4ª divisão; City e Chelsea avançam

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 10/01/2021 às 16:53
O Leeds, de Bielsa, acumulou grande fracasso. Foto: AFP
O Leeds, de Bielsa, acumulou grande fracasso. Foto: AFP
Leitura:

AFP - O Leeds United, da Premier League, foi eliminado neste domingo na terceira fase da Copa da Inglaterra pelo Crawley Town, um time da League Two, a quarta divisão inglesa, que venceu no Broadfield Stadium, por 3 a 0.

A equipe de Marcelo Bielsa tem impressionado em seu início na Premier League, após uma ausência de 16 anos, com seu compromisso com o futebol ofensivo, mas o argentino ainda não venceu um jogo de mata-mata na Copa da Inglaterra em suas três temporadas à frente do Leeds e ele acabou sendo castigado por poupar muitos de seus jogadores importantes.

Illan Meslier, Stuart Dallas, Luke Ayling, Mateusz Klich e Patrick Bamford não jogaram e o modesto Crawley aproveitou essa circunstância para estender sua invencibilidade para dez jogos somando todas as competições.

LEIA MAIS

> Maicon, ex-Inter de Milão e seleção brasileira, vai jogar na Serie D do Italiano

Bielsa fez três alterações após um primeiro tempo sem gols, mas a iniciativa não surtiu o efeito pretendido e foi Crawley quem assumiu o controle na segunda etapa.

E o goleiro espanhol do Leeds, Kiko Casilla, sofreu três gols, marcados por Nick Tsaroulla (50), Ashley Nadesan (53) e Jordan Tunnicliffe (70).

O Crawley ainda se deu ao luxo de estrear o apresentador de televisão Mark Wright nos acréscimos.

Wright, que começou sua carreira no West Ham, Arsenal e Tottenham ainda jovem antes de migrar para a TV, está fazendo um documentário com o clube para ver se consegue se tornar um jogador profissional.

CITY E CHELSEA

A vitória inesperada do Crawley mais uma vez refletiu o charme único desta competição, a mais antiga do futebol mundial, que a cada ano é marcada por façanhas de times não profissionais contra equipes com orçamentos multimilionários.

Como times da quarta divisão participam do torneio desde 1958, esta foi a segunda vez que um time da primeira divisão perdeu por três ou mais gols para um adversário desse nível.

Os que não caíram nessa armadilha foram Manchester City, de Pep Guardiola, e Chelsea, de Frank Lampard, que venceram seus respectivos duelos contra o Birmingham (3-0), da segunda divisão, e o Morecambe, (4-0), da quarta.

Foram os 'Blues' que bateram mais forte contra um time em cujo estádio o bicampeão mundial de boxe Tyson Fury administra uma academia.

Mason Mount (18), o alemão Timo Werner (44), Callum Hudson-Odoi (49) e o também alemão Kai Havertz (85) marcaram os gols pelo Chelsea. E não houve surpresas no Etihad Stadium onde o City venceu com dois gols do português Bernardo Silva (8 e 15), e Phil Foden (33).

Últimas notícias