Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

Vice-presidente diz que só "falta o Athletico" para Náutico acertar renovação do goleiro Anderson

Blog do Torcedor Blog do Torcedor
Blog do Torcedor
Blog do Torcedor
Publicado em 02/02/2021 às 19:51
Anderson defendeu o Náutico na Série B de 2020. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Anderson defendeu o Náutico na Série B de 2020. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Por Antônio Gabriel, da Rádio Jornal

O futuro do goleiro Anderson no Náutico segue indefinido. Aos 22 anos, o atleta foi uma das principais peças na permanência do Timbu na Série B do Campeonato Brasileiro, chegando na reta final e realizando 16 partidas. Ele tem contrato com o Athletico-PR até o fim do ano de 2022. Após o fim da Segundona pelo Alvirrubro, o arqueiro retornou para Curitiba, onde se reapresentou ao Furacão, que ainda não definiu o futuro do atleta.

LEIA MAIS

> Diógenes Braga admite que Náutico errou ao manter a maioria do elenco campeão da Série C

> Executivo de futebol Ari Barros confirma acerto com o Náutico

> Vice-presidente do Náutico elogia executivo de futebol Ari Barros: “É um nome muito bom”

"Se depender do Náutico e de Anderson, sim (ele fica]). Falta o Athletico. Eles sempre recebem todos os atletas emprestados de volta após o final da temporada pra fazer o planejamento. Separam o time em dois: um para as Copas e outro para o Estadual", afirmou o vice-presidente alvirrubro Diógenes Braga, em entrevista à Rádio Jornal.

"Tendo essa definição interna do Athletico a gente vai saber se podemos contar novamente com o Anderson", completou o também vice de futebol do Timbu.

O modelo de empréstimo de Anderson ao Náutico previa uma divisão igualitária do salário do jogador: os pernambucanos assumindo R$ 30 mil e os paranaenses outros R$ 30 mil. Inicialmente, um dos pontos colocados como prioritários para a permanência do goleiro no Timbu seria o pagamento integral do salário pelo Náutico, algo que não deve ser problema diante do interesse dos alvirrubros.

EMPRESÁRIO

O empresário do goleiro revelou que até o momento nenhum outro clube realizou proposta oficial pelo arqueiro. Antes mesmo de defender o Náutico, Anderson já tinha despertado o interesse do mercado, quando estava no Santa Cruz no ano de 2019. O goleiro pertencia ao Palmeiras, que o vendeu para o Athletico-PR, após ganhar projeção com a camisa coral.

"Em relação ao Anderson, Athletico e Náutico estão resolvendo. O negócio está sendo entre eles. Se chegou algo oficial de outros clubes eu não tenho conhecimento, não passou por mim. Podem ter ido direto ao Athletico, clube para clube", concluiu o agente.

Últimas notícias