Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

Presidente do Salgueiro esclarece declaração e afirma que não houve negociação com o Náutico

Davi Saboya
Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 04/02/2021 às 15:47
Em entrevista coletiva, o presidente José Guilherme não escondeu a dificuldade do Salgueiro de pagar as contas. Foto: Alexandre GondimJC Imagem
Em entrevista coletiva, o presidente José Guilherme não escondeu a dificuldade do Salgueiro de pagar as contas. Foto: Alexandre GondimJC Imagem
Leitura:

O presidente do Salgueiro, José Guilherme, esclareceu a polêmica declaração envolvendo o Náutico e a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) em uma determinada negociação financeira por causa da desistência do Carcará de participar da Copa do Nordeste e Copa do Nordeste. Em nota oficial divulgada nas redes sociais do clube, o mandatário sertanejo explicou que a quantia recebida e citada na entrevista coletiva, na manhã desta quinta-feira, é referente a participação do atual campeão pernambucano no Nordestão. Valor esse que gira em toro de R$ 550 mil. Ainda segundo José Guilherme, esse pagamento integral, ao invés do tradicional forma parcelada, levou o clube do Sertão a recusar da decisão de não participar das duas competições.

"O Salgueiro Atlético Clube vem a público esclarecer que o valor recebido diz respeito à cota de participação que lhe é de direito, que não houve qualquer negociação envolvendo nenhum clube, ratificando o direito em entrevista concedida na manhã de hoje (quinta-feira). Houve, sim, um contato da Liga do Nordeste explicando a situação de devolução do valor repassado no tocante a cota recebida por não participação da Copa do Nordeste", escreveu o clube, em nota oficial, assinada pelo presidente José Guilherme.

LEIA MAIS

> Liga do Nordeste confirma que Salgueiro já recebeu cerca de R$ 600 mil da cota de participação

> Náutico nega envolvimento em desistência do Salgueiro das copas do Nordeste e do Brasil

> “Procurei o Náutico, fiz uma negociação”, revela presidente do Salgueiro sobre desistência do Nordestão e Copa do Brasil

> Veja os grupos da Copa do Nordeste de 2021

> Após ter pedido para não jogar, Salgueiro recua e vai disputar Copas do Nordeste e Brasil

> “Vergonha para história do Salgueiro e futebol”, dispara presidente do Confiança

> Vice-prefeito explica corte de patrocínio ao Salgueiro: “Estamos dando prioridade ao postos de saúde”

Em entrevista à Rádio Jornal, José Guilherme contou mais detalhes sobre as últimas horas turbulentas. O presidente do Salgueiro admitiu que estava bastante chateado com a dificuldade financeira vivida pelo clube. Ele também reiterou que o dinheiro recebido pelo Carcará foi a cota integral de participação na Copa do Nordeste e o Náutico não realizou nenhum pagamento. O mandatário sertanejo ainda deixou nas entrelinhas que o ambiente político do munícipio estava conturbado ao frisar que "precisava resolver algumas coisas na cidade".

"Infelizmente, dei uma entrevista, após todo o desenrolar dessa semana que foi muito complicada para mim. Recebi todo tipo de pressão, sem resultado para resolver os problemas do Carcará. Assim, tomei decisões drásticas e, infelizmente, envolvi pessoas que não participaram. O que aconteceu é que o Salgueiro estava com problemas financeiros, entrei em contato com a Liga (do Nordeste), tentei a cota, até porque existe os prazos dela, e consegui o que era direito do Salgueiro pela participação. Só que eu precisava resolver algumas coisas na cidade. Fiz um ofício pedindo o desligamento na Federação e a partir desse ponto muita coisa aconteceu", comentou.

"Desde ontem (quarta-feira) que não dou entrevista a ninguém. Estava muito abalado e chorando. Recebi o que tinha direito da Copa do Nordeste. O Náutico não participou com um real. O Salgueiro conversou com a Federação, com a Liga do Nordeste, sobre o time que iria colocar em campo. A federação me enviou um ofício, explicando as punições que eu iria receber. Mas não houve um real do Náutico. O dinheiro que está na conta é referente a participação na Copa do Nordeste", acrescentou.

O presidente José Guilherme garantiu que, agora, o Salgueiro irá disputar as todas as competições normalmente do calendário de 2021. No caso, o Estadual, a Copa do Nordeste, a Copa do Brasil e a Série D do Campeonato Brasileiro. Ele destacou que o técnico português e campeão pernambucano Daniel Neri desembarca no Recife no próximo domingo. Além disso, ressaltou que o Carcará já está em busca de reforços.

"Tive uma reunião com os atletas, mostrei a situação, quando a Liga do Nordeste disse que iria cobrar o valor da cota que foi adiantado, estávamos conversando (dirigente e jogadores). Então, os atletas se fecharam com a gente e vamos participar da Copa do Nordeste, Copa do Brasil, onde vamos buscar a classificação, pois é uma cota de R$ 600 mil e vai nos ajudar ainda mais. O treinador Daniel Neri está vindo no domingo de Portugal, já estamos buscando reforços e a partir desta semana entraremos com carga total. Meu medo era entrar com um time fraco e todo mundo falar que o atual campeão pernambucano virou saco de pancadas", disse o mandatário sertanejo.

POLÊMICA

Após desistir de participar das Copas do Nordeste e do Brasil, recuar da decisão e depois voltar atrás, inclusive com participação no sorteio da competição regional, o presidente do Salgueiro, José Guilherme, revelou em entrevista coletiva, nesta quinta-feira, os motivos que levaram o Carcará a protagonizar toda essa reviravolta. Em uma declaração polêmica, o mandatário afirmou que procurou o Náutico e a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) para fazer uma negociação em relação as vagas, que segundo o próprio presidente, teve o envolvimento do Timbu nas tratativas com um aporte financeiro para pagar o salário dos funcionários do clube sertanejo. Depois, quando soube pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que a vaga não ficaria com um clube de Pernambuco, tomou a decisão de voltar a participar das competições.

NÁUTICO

A última quarta-feira (3) foi marcada por uma desistência do Salgueiro em disputar a Copa do Nordeste e a Copa do Brasil. A decisão, porém, não chegou a durar 24 horas, mas envolveu o nome do Náutico desde o minuto que veio à tona. As informações que se conectavam à saída do Carcará das duas competições indicavam que o herdeiro das vagas seria o Timbu. Especulou-se, então, que o alvirrubro teria envolvimento na atitude tomada pelo clube do Sertão Pernambucano. Em nota divulgada na tarde desta quinta-feira (4), o Náutico negou.

"DESISTIU DE DESISTIR"

Uma grande reviravolta nos bastidores do futebol pernambucano. Depois de pedir para não jogar a Copa do Nordeste e Copa do Brasil, o Salgueiro recuou da decisão e vai disputar as competições. A decisão aconteceu na manhã desta quinta-feira, pouco antes do sorteio da Copa do Nordeste 2021, previsto para acontecer às 12h, na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Desta forma, o nome do Salgueiro vai estar nos potes do sorteio do Nordestão.

LIGA DO NORDESTE

A Liga do Nordeste esclareceu o valor repassado ao Salgueiro por ser o atual campeão pernambucano e ter vaga garantida na fase de grupos do Nordestão. Procurado pelo Jornal do Commercio e Blog do Torcedor, o presidente Alexi Portela destacou que foi realizado dois adiantamentos da cota de participação ao Carcará. O primeiro lá atrás para o clube honrar alguns compromissos e o outro mais recente para o atual campeão pernambucano não desistir de participar do torneio regional e, consequentemente, da Copa do Brasil. Segundo o dirigente, o time do Sertão de Pernambuco já recebeu "uns R$ 600 mil".

CONFIRA

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O NÁUTICO

Últimas notícias