Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

Hélio dos Anjos fala sobre características de Rafinha e Luiz Henrique, novos reforços do Náutico

LOURENÇO GADÊLHA
LOURENÇO GADÊLHA
Publicado em 26/02/2021 às 19:42
Hélio fez postagem no Twitter e torcedores abraçaram a causa. FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Hélio fez postagem no Twitter e torcedores abraçaram a causa. FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Voz ativa na montagem do elenco para a temporada 2021, o técnico Hélio dos Anjos analisou as duas novas contratações do Náutico. Em menos de 24h, o Timbu anunciou o lateral-esquerdo Rafinha, ex-CSA, e o volante Luiz Henrique, que estava no Moreirense, de Portugal, mas foi revelado pelo clube alvirrubro, onde obteve destaque antes de ser negociado em 2019. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o técnico analisou as características dos atletas e classificou como positiva a chegada dos reforços, que serão úteis na disputa do Campeonato Pernambucano e da Série B. 

O primeiro deles, Rafinha foi anunciado na última quinta-feira (25), para ocupar o setor mais carente do elenco alvirrubro. Desde a saída de Kevyn, que conseguiu uma rescisão contratual na Justiça após alegar atrasos salariais e o não recolhimento de FGTS, o Náutico ficou sem nenhum atleta de ofício na lateral esquerda. O recém-contratado, então, chega para suprir essa necessidade, com o referencial de ter jogado no CSA nos últimos cinco anos, com uma média de mais de 20 jogos por temporada. 

“O Rafinha foi um jogador com uma história muito bonita no CSA e com número significativos. Para se ter uma ideia, é um jogador que jogou 37 jogos no ano passado. É um jogador que tecnicamente tem o favorecimento de bom passe, bom posicionamento, boa bola parada, de ser bom assistente. É um jogador que em todos os quesitos que nós discutimos, trabalhamos e analisamos com informações de fisiologistas, treinadores, companheiros de futebol mesmo dele, tudo muito positivo. Jogador experiente que vem agregar e conhece a posição”, avaliou.

LEIA MAIS:

>> Vice-presidente do Náutico elogia lateral-esquerdo Rafinha: “Contratação que agradou bastante”

>> Campeonato Pernambucano: FPF muda horário de jogos de Náutico, Santa Cruz e Sport

>> Técnico do Náutico projeta boa participação no Pernambucano para garantir calendário cheio em 2022

>> Com saída de Kevyn, Hélio dos Anjos afirma que pode improvisar Bryan na lateral esquerda do Náutico

>> “Espero conquistar meu primeiro título com o Náutico e o acesso para Série A”, diz Erick sobre temporada

Já Luiz Henrique, anunciado na manhã desta sexta-feira (26),teve a primeira oportunidade no time profissional em 2017, mas só passou a ser mais utilizado mesmo em 2018, principalmente na Série C daquela temporada, quando o Timbu bateu na trave e não conseguiu o acesso. Em 2019, atuou em 37 jogos, onde marcou quatro gols. Porém, em julho, com a abertura da janela internacional, foi negociado com o Moreirense, que pagou R$ 1 milhão por 80% dos seus direitos econômicos. O restante ainda pertence ao Náutico. 

“Luiz Henrique é aquela história. Quando surgiu a oportunidade, todas as pessoas do clube que conheciam o Luiz, muito mais do que eu, foram favoráveis ao retorno do Luiz. Baseado no que eu gosto que é intensidade, ele é um ótimo jogador nesse sentido. Vai ser bem vindo, vai trabalhar. Nós sabemos que ele conhece a casa e por isso terá mais facilidade de conhecer o atual comando no nível de exigência, de responsabilidade. Estou muito satisfeito. São duas situações que nós podemos usufruir bastante deles”, finalizou Hélio dos Anjos.

 

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O NÁUTICO

Últimas notícias